FUTEBOL MARANHENSE

MAC se prepara forte para o Campeonato Maranhense de 2018

O grande destaque da equipe fica por conta do forte meio-campo formado, a princípio, com Sandro Bacabal e Curuca protegendo a defesa, com Eloir e Felipe Costa mais focados em armar o jogo.

Foto: Reprodução

Maranhão Atlético Clube segue em ritmo acelerado para a disputa do Campeonato Maranhense em 2018. Com a realização de vários treinamentos voltados à preparação física, o técnico Meinha começa a montar a base da equipe para os primeiros jogos.

O grande destaque da equipe fica por conta do forte meio-campo formado, a princípio, com Sandro Bacabal e Curuca protegendo a defesa, com Eloir e Felipe Costa mais focados em armar o jogo.

Vale ressaltar que o MAC ainda conta com o experiente meia Válber. O jogador de 36 anos começou o treinamento após os demais e ainda precisa de mais reforço físico para integrar a equipe titular, mas deve brigar por uma vaga.

No ataque, Meinha manteve uma dupla que atuou junta na última Série D: Emerson e Gilleard. A dupla somou oito gols na temporada de 2017 (cinco de Emerson e três de Gilleard). A outra opção mais forte para o setor ofensivo é Cris, que somou os mesmos oito gols dos concorrentes este ano.

A defesa tem sido formada por Lesson, Lucas, Anderson Alagoano e Luís Fernando. o quarteto ainda precisa de mais entrosamento e, por isso, há um foco maior no posicionamento e tempo de bola dos jogadores defensivos.

Durante a semana, a diretoria do Maranhão chegou a anunciar um amistoso a ser realizado amanhã contra a Seleção de Mirador, na sede do município, mas os planos foram cancelados por decisão da comissão técnica.

Com a mudança e para não perder o ritmo, o MAC enfrenta a equipe amadora do Juventus na mesma data, mas no Parque Valério Monteiro. Esta será a primeira oportunidade para Meinha ver a sua equipe em ação contra um adversário real.

Reforço

A diretoria do Bode Gregório também confirmou a contratação do meia-atacante Fábio Lopes, que disputou o último Campeonato Alagoano pelo Cururipe, onde disputou cinco jogos e não balançou as redes.

Aos 32 anos, o jogador retorna ao futebol maranhense após passagem frustrada pelo Sampaio Corrêa em 2014 e 2015. Fábio Lopes é filho de Raimundinho Lopes, que brilhou com a camisa do Moto Club nas décadas de 1980 e 1990.

O meia deve ser apresentado ainda hoje no Parque Valério Monteiro e ficar à disposição do técnico Meinha para os treinamentos. Fábio deve disputar posição no meio-campo quadricolor com Válber e Felipe Costa, mas também pode ser aproveitado no ataque.

VER COMENTÁRIOS
CONTINUAR LENDO
MOSTRAR MAIS