CORONAVÍRUS

No Maranhão

5398
113563
101177
2898
REDES SOCIAIS

5 dicas de apps gratuitos para edição de vídeo no celular

Aplicativos intuitivos e fáceis de usar dão uma forcinha a quem quer trabalhar ou mesmo se divertir com as criações audiovisuais

Os vídeos são uma ferramenta essencial para impulsionar as interações. Foto: Divulgação

Seja para uso pessoal ou profissional, cada vez mais as redes sociais digitais e o próprio mercado de trabalho exigem habilidades e criatividade para quem deseja promover algo, seja um produto, uma marca ou a própria imagem pessoal. Todo conteúdo criado é idealizado para chamar a atenção dos seguidores, fomentar engajamento e fidelizar clientes. Os vídeos são uma ferramenta essencial para impulsionar as interações que são vivenciadas no meio digital, afinal, o audiovisual estimula os sentidos da visão e audição simultaneamente.

Então, como produzir ou editar bons vídeos sem ter feito curso? Dá para fazer sem instalar um programa no computador? É preciso pagar para usar programas de edição de vídeo? Essas são algumas perguntas que ecoam na cabeça de quem está interessado em utilizar esse recurso. Mas, calma! Atualmente, com a popularização da internet e a evolução da tecnologia, é possível otimizar tempo e produzir excelentes conteúdos por meio de aplicativos móveis. Para além da mobilidade, os apps possibilitam que você trabalhe em qualquer hora e lugar, de forma simples e prática.

Para quem está precisando usar esse tipo de recurso, O Imparcial destaca agora cinco apps gratuitos para edição de vídeo no celular. Confira!

QUIK

O Quik é um aplicativo prático e detalhista. Ao produzir seu vídeo, ele permite que você selecione até 75 fotos e clipes armazenados na sua galeria pessoal. Ao escolher o material, o próximo passo será a escolha do estilo de vídeo, o aplicativo disponibiliza 23 estilos com transições e gráficos diferentes. Em seguida, personalize sua criação com uma trilha sonora do seu gosto. Disponível para Android e IOS.

Próxima »1 / 5
VER COMENTÁRIOS
Concursos e Emprego
Notícia Boa
Checamos
Polícia
Gastronomia
Entretenimento e Cultura
Mais Notícias