GALERIA

Jornalista de Açailândia vence concurso nacional de fotografia

O registro de Mikaell Carvalho mostra um ritual indígena de uma aldeia do Maranhão. A foto foi a mais votada nas redes sociais

A peça vencedora do Prêmio Fotográfico 2018 com todos os direitos veio diretamente de Açailândia, município do Maranhão. O clique do jornalista Mikaell Carvalho durante um ritual indígena Guajajara comoveu os internautas e garantiu o maior número de curtidas dentre os concorrentes.

O registro chama-se ‘Festa da Menina Moça’ e foi feito na aldeia maranhense Piçarra Preta, na Terra Indígena Rio Pindaré, de Bom Jardim. Trata-se do ritual de passagem da mocidade à fase adulta, quando a mulher menstrua pela primeira vez. No momento, a moça ouvia as palavras de um dos pajés.

1º Lugar

“Ritual da Menina Moça” (Foto: Mikaell Carvalho/Articulação dos Atingidos pela Vale/Rede Justiça nos Trilhos)

Mikaell concorreu ao prêmio atrelado à organização Articulação dos Atingidos pela Vale/Rede Justiça nos Trilhos. Com 28 anos e fotógrafo a três, suas principais temáticas são sociais – mostra a vida cotidiana e cultural da população.

A foto conquistou 1.452 interações (curtidas, amei e uau). Além disso, foi compartilhada 229 vezes e recebeu 219 comentários, ficando em primeiro lugar entre as 10 fotos escolhidas para o concurso.

Prêmio Fotográfico 2018 com todos os direitos

O concurso acontece todos os anos com o intuito de sensibilizar o público, por meio de fotografias, acerca dos direitos humanos. Foram 70 imagens inscritas de diferentes organizações apoiadas pelo Fundo Brasil. Dessas, apenas 10 são escolhidas pela curadoria.

Dentre as 10, as três melhores são escolhidas por votação no Facebook – as mais curtidas, ganham. Os três vencedores ganham equipamentos fotográficos novos.

Continue para ver as outras quatro fotos mais votadas!

Próxima »1 / 3
VER COMENTÁRIOS
COLUNAS E OPINIÃO
Concursos e Emprego
Polícia
Você, Gastrô!
Entretenimento e Cultura
Mais Notícias