OPORTUNIDADE

Aprovadas mais de 5 mil vagas para 2020

LDO prevê mais de R$ 336 milhões para contratação, por meio de concurso público, de 5.094 profissionais para o Executivo e de 136 para o Legislativo. Secretaria de Saúde será a maior contemplada com 2.078 oportunidades

Foto: Reprodução

Os deputados distritais aprovaram na última quarta-feira (26), o Projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2020. A proposta, que fixa as metas e prioridades do governo prevê 5.228 vagas em concursos para o próximo ano (veja quadro abaixo). As oportunidades são de criação e provimento. O investimento previsto para a contratação de pessoal para 2020 é de mais de R$ 336 milhões.

De acordo com o projeto, que passou pelos dois turnos na Câmara Legislativa do Distrito Federal (CLDF), as vagas estão divididas em 5.094 para o Executivo e 134, para o Legislativo. A maior parte dos postos está prevista para a Secretaria de Estado de Saúde do Distrito Federal (SES), 2.078, distribuídos entre médicos, técnicos, especialistas, auxiliares, cirurgiões-dentistas, enfermeiros e auditores fiscais de atividades urbanas.

Para a área de assistência social, outro quantitativo de destaque, são 745 oportunidades na Secretaria de Estado de Justiça e Cidadania do DF (Sejus), para especialistas e técnicos em assistência social e especialistas, agentes e técnicos socioeducativos.

Há 650 vagas previstas para a Secretaria de Estado e Educação do DF (Seduc), com chances para professores de educação básica, pedagogo orientador educacional, analista, monitor e técnico de gestão educacional.

Além dessas, há vagas para a CLDF (86), Tribunal de Contas (48), Secretaria de Estado de Fazenda (475), Planejamento, Orçamento e Gestão, Secretaria de Estado de Transporte e Mobilidade do DF (1), Secretário de Estado de Obras e Infraestrutura (10), Secretaria de Estado de Cultura (225), Procuradoria-Geral (100),  Controladoria-Geral (27), Polícia Civil (260), Departamento de Estrada de Rodagem (148), Sistema de Limpeza Urbana (21), Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (30), Agência Reguladora de Águas e Sanemaneto (25), Agência de Fiscalização (10), Companhia Urbanizadora da Nova Capital do Brasil (96), Companhia de Desenvolvimento Habitacional (75) e Defensoria Pública do DF (95).

Câmara convoca para formação

A Câmara Legislativa do Distrito Federal (CLDF) divulgou ontem, no Diário Oficial do DF, a lista dos candidatos aos cargos de técnico-legislativo — agente de polícia legislativa e consultor técnico-legislativo — inspetor de polícia legislativa aptos ao curso de formação. Eles foram habilitados nas etapas de avaliação psicológica, de conduta irrepreensível e idoneidade moral e na avaliação médica. Os candidatos deverão efetivar a matrícula para o treinamento específico por meio do site da Fundação Carlos Chagas (FCC), de hoje ao dia 1º de julho.

Vagas previstas

Câmara Legislativa do DF — 86 vagas

Consultores técnico-legislativos

Consultores legislativos e procuradores

Legislativos (todos de nível superior) e de técnico-legislativo (nível médio)

Tribunal de Contas do Distrito Federal — 48 vagas

Auditor (nível superior) — 1 vaga

Procurador (nível superior) — 1 vaga

Auditor de controle externo e analista de administração pública (nível superior) — 46 vagas

Secretaria de Estado de Fazenda, Planejamento, Orçamento e Gestão do Distrito Federal (SEFP)  — 475 vagas

Gestor em políticas públicas e gestão governamental — 100 vagas

Analista em políticas públicas e gestão governamental — 150 vagas

Analista de planejamento e gestão urbana — 50 vagas

Técnico de planejamento e gestão urbana — 75 vagas

Auditor de controle interno — 60 vagas

Auditor fiscal da Receita Federal do Distrito Federal — 40 vagas

Secretaria de Estado de Saúde do Distrito Federal (SES) — 2.078 vagas

Auxiliar em saúde — 70 vagas

Cirurgião dentista — 60 vagas

Especialista em saúde — 145 vagas

Enfermeiro — 175 vagas

Médico (20h) — 500 vagas

Médico (40h) — 50 vagas

Técnico em saúde (20h) — 115 vagas

Técnico em saúde (40h) — 800 vagas

Auditor fiscal de atividades urbanas — 163 vagas

Secretaria de Estado de Educação do Distrito Federal (Seduc) — 650 vagas

Professor educação básica (40h) — 400 vagas

Professor educação básica (20h) — 100 vagas

Pedagogo—orientador educacional (40h) — 15 vagas

Pedagogo—orientador educacional (20h) — 5 vagas

Analista de gestão educacional — 15 vagas

Monitor de gestão educacional — 45 vagas

Técnico de gestão educacional — 70 vagas

Secretaria de Estado de Transporte e Mobilidade do Distrito Federal (Semob) — 1 vaga

Auditor fiscal de atividades urbanas—1 vaga

Secretaria de Estado de Justiça e Cidadania do Distrito Federal (Sejus) — 745 vagas

Especialista em assistência social — 155 vagas

Técnico em assistência social — 105 vagas

Especialista socioeducativa — 161 vagas

Agente socioeducativa — 228 vagas

Técnico socioeducativa — 46 vagas

Secretaria de Estado de Obras e Infraestrutura do Distrito Federal (SO) — 10 vagas

Auditor fiscal de atividades urbanas — 10 vagas

Secretaria de Estado de Cultura do Distrito Federal (Secult) — 225 vagas

Músicos da OSTNCS — 24 vagas

Analista de atividades culturais — 31 vagas

Técnico de atividades culturais — 170 vagas

Procuradoria-Geral do Distrito Federal (PGDF) — 100 vagas

Analista jurídico — 57 vagas

Técnico jurídico — 43 vagas

Controladoria Geral do Distrito Federal (CGDF) — 27 vagas

Auditor de controle interno — 27 vagas

Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF) — 260 vagas

Gestor de apoio às atividades policiais civis — 60 vagas

Analista de apoio às atividades policiais civis — 200 vagas

Departamento de Estradas de Rodagem (DER)  — 148 vagas

Analista de atividades rodoviárias — 21 vagas

Técnico de atividades rodoviárias — 97 vagas

Agente de trânsito rodoviário — 30 vagas

Serviço de Limpeza Urbana (SLU) — 21 vagas

Analista de gestão de resíduos sólidos — 21 vagas

Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos do Distrito Federal (Ibram) — 30 vagas

Analista de atividades do meio ambiente — 10 vagas

Técnico de atividades do meio ambiente — 10 vagas

Auditor fiscal de atividades urbanas — 10 vagas

Agência Reguladora de Águas e Saneamento do Distrito Federal (Adasa/DF) — 25 vagas

Regulador de serviços públicos — 18 vagas

Técnico de regulação de serv. públicos — 7 vagas

Agência de Fiscalização do Distrito Federal (Agefis) — 10 vagas

Auditor fiscal de atividades urbanas — 10 vagas

Companhia Urbanizadora da Nova Capital do Brasil (Novacap) —

96 vagas

Administrador, contador, economista, enfermeiro do trabalho, geógrafo, geólogo, arquivista e técnico de nível superior — 10 vagas

Arquiteto, engenheiro de segurança do trabalho e médico do trabalho — 41 vagas

Advogado — 9 vagas

Auxiliar de enfermagem do trabalho, técnico agrícola, técnico em contabilidade, técnico em edificações, técnico em secretariado, técnico em segurança do trabalho e topógrafo — 33 vagas

Agente administrativo — 3 vagas

Companhia de Desenvolvimento Habitacional do Distrito Federal (CODHAB) — 75 vagas

Administração e contabilidade — 10 vagas

Direito e legislação e assistência social — 5 vagas

Agente administrativo e técnico em contabilidade — 10 vagas

Direito e legislação e assistência social — 25 vagas

Técnico em edificações, desenhista e técnico em topografia — 25 vagas

Defensoria Pública do Distrito Federal (DPDF) — 95 vagas

Cargos comissionados (CNE 07) — 15 vagas

Defensor público — 20 vagas

Analista de apoio à assistência judiciária — 60 vagas

Fonte: Projeto da Lei Orçamentária

VER COMENTÁRIOS
COLUNAS E OPINIÃO
Concursos e Emprego
Polícia
Você, Gastrô!
Entretenimento e Cultura
Mais Notícias