COMOÇÃO

Emoção marca adeus de meninas maranhenses que morreram no Chile

As garotas Khálida Trabusli, de 3 anos e Isadora Bringel de 7 anos foram sepultadas na manhã deste sábado (8), no Cemitério do Gavião, em São Luís.

Reprodução

Dor e comoção marcou os sepultamentos das meninas Khálida Trabusli, de 3 anos e Isadora Bringel, de 7 anos que morreram após um deslizamento de rochas na região de El Yeso, em Santiago no Chile no inicio desta semana.

Segundo a governadora da região da Cordilheira dos Andes, Mireya Chocair, o local do acidente estava fechado para visitas por conta do risco de acidentes do mesmo tipo que vitimou as duas meninas. As famílias das vítimas afirmam que no local não havia nenhum tipo de sinalização.

Após a tragédia, o governo do Chile por meio do Serviço Nacional de Turismo (Sernatur) afirmou que reforçou a segurança no local com  a instalação de placas que alertem sobre os riscos nas imediações do reservatório de El Yeso, local onde morreram as meninas.

O adeus dos amigos e familiares das duas garotas aconteceu na manhã deste sábado (8) no Cemitério do Gavião, no bairro da Madre Deus.  Apesar de serem naturais da cidade Bacabal, os familiares  de ambas resolveram fazer o enterro em São Luís.

Isadora Bringel foi a primeira a ser enterrada. A despedida foi marcada por cânticos, flores, e balões brancos. Visivelmente abalados os pais da menina acompanharam tudo de perto em silêncio, apoiando-se um no outro contando com o apoio dos amigos e parentes.

Em seguida aconteceu o enterro de Khálida Trabusli Lisboa que também foi marcado por forte emoção de todos que acompanharam a sua despedida da vida terrena.

 Khálida Trabusli Lisboa e Isadora Bringel faziam um passeio na segunda-feira (3) acompanhada dos pais na região de El Yeso, no Chile, quando morreram após serem atingidas por fragmentos de rochas após um deslizamento. As famílias são amigas e as meninas estudavam na mesma escola no município de Bacabal, no interior do estado, onde também viviam.

VER COMENTÁRIOS
COLUNAS E OPINIÃO
Concursos e Emprego
Polícia
Você, Gastrô!
Entretenimento e Cultura
Mais Notícias