CRIME

Acusado de assassinar jovem a tiros na Litorânea é preso

O acusado confessou  o crime em detalhes e afirmou que matou a vítima por vingança

Foto: Divulgação

A Polícia Civil prendeu na manhã desta sexta-feira, 22, Luís Eduardo Corrêa Durans, de 23 anos. Ele é acusado de praticar homicídio contra Erik Cuba Oliveira, no dia 11 de novembro na Avenida Litorânea, em São Luís.

De acordo com informações da polícia, a prisão temporária foi resultado de um trabalho da Polícia Civil juntamente com a Superintendência de Homicídios e Proteção à Pessoa (SHPP) e com o 9º Batalhão de Polícia Militar (BPM) no bairro do São Francisco.

Durante seu interrogatório, perante a delegada Katherine Silva Chaves Lima, titular do 9º BPM, o acusado confessou o crime em detalhes e afirmou que matou a vítima por vingança, já que em janeiro de 2018, o jovem Erik Cuba havia desferido duas facadas no abdômen de Eduardo Durans.

O acusado afirmou ainda que efetuou três disparos a curta distância em direção a cabeça da vítima utilizando um revólver calibre .38. E que logo em seguida jogou a arma do crime na maré, quando passava pela ponte do São Francisco.

Mesmo Luis Eduardo afirmando que a arma foi jogada no mar, após o interrogatório, a polícia cumpriu um mandado de busca e apreensão na residência do acusado com objetivo de encontrar a arma utilizada no crime, porém os policiais não encontraram.

Depois de cumpridas todas as formalidades, Luís Eduardo Corrêa Durans foi encaminhado ao sistema prisional onde ficará à disposição da justiça.

VER COMENTÁRIOS
COLUNAS E OPINIÃO
Concursos e Emprego
Polícia
Você, Gastrô!
Entretenimento e Cultura
Mais Notícias