BRUMADINHO

Suspensas doações no Shopping da Ilha

Unidade estava recebendo doações de água, roupas e alimentos e aguarda a Defesa Civil para retomar, se necessário. Transporte para Minas Gerais já começa a ser feito

Reprodução

A tragédia que se abateu sobre o município de  Brumadinho, em Minas Gerais,  na última sexta-feira comoveu o mundo. Solidariedade, campanhas e ajuda surgiram de todas as partes para confortar  desabrigados, vítimas e familiares atingidos pelo rompimento da barragem. Os brasileiros sabem ser solidários.

Em São Luís não foi diferente. Centenas de pessoas se mobilizaram para ajudar. O Shopping da Ilha foi local de recebimento de doações que logo encheram o espaço do estacionamento Vip, Piso L1.

Embora não saiba precisar a quantidade de material doado, entre água, itens de higiene pessoal e alimentos não perecíveis, a gerente de marketing do shopping Elirdes Costa disse ontem que o recebimento de doações estavam suspensas.  “Caso a Defesa Civil precise, a gente retoma as doações. E o que foi arrecadado a gente já vai contactar transportadora para enviar para Minas”, disse.

O Corpo de Bombeiros, responsável por buscar desaparecidos na tragédia com a barragem da Vale em Brumadinho, agradeceu à solidariedade dos brasileiros e  pediu que não enviem mais, por enquanto, donativos à população atingida pelos rejeitos, pois o que já foi doado seria o suficiente para os desabrigados, que são em torno de 100 pessoas. Elas foram levadas a hotéis e pousadas da região, e os custos são da mineradora Vale, responsável pela barragem que se rompeu. A empresa diz que disponibilizou hospedagem e alimentação para cerca de 800 pessoas, incluindo parentes das vítimas.

Na ocasião, 60 corpos haviam sido localizadas e 19 pessoas identificadas. Havia ainda 292 desaparecidos e 192 resgatados.

Doações seguras
A Defesa Civil, por sua vez, alerta para o risco de campanhas falsas pedindo doações em dinheiro. Segundo relatos, estelionatários têm se aproveitado da solidariedade da população para lucrar. O Ministério Público de Minas (MPMG) divulgou um alerta de cuidado com sites falsos e disse que está recebendo denúncias pelo e-mail [email protected]

Uma parceria da Prefeitura de Brumadinho e o programa Voluntariado Banco do Brasil está recolhendo doações em dinheiro na campanha “Ajude Brumadinho”. Entre as medidas de apoio, o BB abriu conta corrente em nome da prefeitura local para receber doações: agência 1669-1, conta 200-3 (SOS Brumadinho), CNPJ 18.363.929/0001-40.

Tragédia
Na sexta-feira (25), uma barragem da mineradora Vale se rompeu e a lama destruiu parte do local, deixando dezenas de mortos e centenas de desaparecidos e desabrigados.

VER COMENTÁRIOS
COLUNAS E OPINIÃO
Concursos e Emprego
Polícia
Você, Gastrô!
Entretenimento e Cultura
Mais Notícias