OPERAÇÃO RODOVIDA

10 mortos nas operações Natal e Ano Novo

O total é de vítimas que foram a óbito entre os dias 21 de dezembro e 1º de janeiro, segundo a Polícia Rodoviária Federal-MA. Operação Ano Novo registrou seis mortes

Foto: Divulgação

Foi um período curto, de 28 de dezembro a 1º de janeiro, mas 20 acidentes foram registrados pela Polícia Rodoviária Federal, de acordo com a Superintendência Regional no Maranhão Núcleo de Comunicação Social, que deixaram seis motos e 33 pessoas feridas.

A Operação Ano Novo 2018/2019 foi realizada em todo o Brasil, integrando a Rodovida, com enfoque na redução da violência do trânsito. Somando-se com as vítimas da Operação Natal, são  44 acidentes,  com 54 feridos e 10 mortos, no período de 21 de dezembro a 1º de janeiro de 2019.

O aumento do fluxo nas rodovias federais, segundo a PRF, ficou no esperado, cerca de 30 a 40%. Em virtude das férias escolares, a atenção foi redobrada no aspecto segurança, incluindo cintos de segurança e dispositivos destinados às crianças, bebê conforto, cadeirinha e assento de elevação.

No dia 29, dos cinco acidentes registrados, quatro  tiveram óbitos e oito pessoas ficaram  feridas. O primeiro acidente aconteceu nas primeiras horas do dia no Km 306,6 da BR-226, município de Barra do Corda, envolvendo um veículo Pálio e uma carreta bitrem. Segundo a PRF, “o Pálio seguia no sentido Grajaú, quando colidiu  na lateral traseira direita da carreta, que entrava na rodovia saindo do pátio de um posto de venda de combustíveis. A colisão teve como vítima fatal Evelyn Vitória, de 1 ano e 3 meses. Ela viajava usando cinto de segurança, quando o dispositivo de retenção adequado seria a cadeirinha, utilizado por crianças de um a cinco anos. O cinto provocou esmagamento de órgãos internos”.

No mesmo dia, em Açailândia por volta das 11h10, na BR-010 Km 323, houve colisão frontal entre um veículo GM/Astra e uma moto Honda, levando a óbito o condutor da moto Tarcisio Silva de Oliveira, de 30 anos de idade, e os passageiros do Astra, Jahnson Farias Medeiros Junior, 31 anos, e Paulo Wesley Lopes Costa, de 35 anos. A colisão teria acontecido após o estouro de um dos pneus do carro. No dia 1º, os seis acidentes que foram registrados deixaram oito pessoas feridas e uma foi a óbito  no Km 7 da BR-135. Por volta de 21h30 um veículo não identificado (evadiu do local)  atropelou Guiomar dos Santos Almeida, de 71 anos, que morreu no local.

Velocidade
Já no primeiro dia de Operação, 28, a PRF-MA flagrou 141 veículos transitando com velocidade superior a máxima permitida para o local. A fiscalização aconteceu no Campo de Peris (São 19 km ligando o limite da Ilha de São Luís, no Estreito dos Mosquitos, até o primeiro povoado, Peris de Baixo). “O excesso de velocidade está entre as principais causas de acidentes graves em todo o estado”, diz a PRF.

VER COMENTÁRIOS
CONTINUAR LENDO
MOSTRAR MAIS