INTERIOR DO MARANHÃO

Governo do Maranhão autua mineradora por deslizamento de rejeitos no interior

A empresa informou que o material tratava-se apenas de terra extraída do processo de lavra

Imagem Neto Weba

A Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema) autuou a empresa Mineradora Aurizona S/A pelo deslizamento ocorrido na mina no município de Godofredo Viana, distante 209 km de São Luís, no último domingo, 04. Rejeitos de mineração chegaram a interditar a única via de acesso ao Povoado Aurizona.

Técnicos da Sema e integrantes da Defesa Civil estão no local desde então para analisar os possíveis impactos de natureza ambiental, além de verificar o cumprimento das condicionantes dirigidas ao empreendimento.

A estrada foi desbloqueada durante a segunda-feira, 05, em uma força tarefa entre funcionários da empresa, Corpo de Bombeiros, Defesa Civil e Prefeitura Municipal.

Em nota, a empresa informou que o material que interditou o trecho da estrada tratava-se apenas de terra extraída do processo de lavra (mineração) para acesso ao minério que fica localizado no subsolo. A informação foi confirmada pela Sema, que, também por meio de nota, informou que “até o momento, não existem indícios de materiais químicos nos rejeitos que atingiram o local”. Também informou que a mineradora já foi notificada e que a secretaria vai adotar todas as medidas de fiscalização e monitoramento.  Não há registro de feridos.

VER COMENTÁRIOS
MOSTRAR MAIS