IMPERATRIZ

Adolescente é morto na Funac de Imperatriz e internos confessam autoria

O jovem era recém-chegado na unidade e foi assassinado por dois outros internos, que confessaram a autoria do homicídio, indicando o uso de um artefato cortante improvisado

Um adolescente foi encontrado morto na manhã deste sábado, 03, no Centro Socieducativo da Região Tocantina, em Imperatriz. O jovem era recém-chegado na unidade e foi assassinado por dois outros internos, que confessaram a autoria do homicídio, indicando o uso de um artefato cortante improvisado.

Em comunicado oficial, a Funac prestou esclarecimentos e informou que a unidade opera dentro da capacidade prevista, e que recentemente foi realizada avaliação dos processos dos adolescentes pelo Sistema de Justiça “para garantia da brevidade e excepcionalidade da medida de internação”, indica.

Assim que foi constatada a morte, uma equipe do SAMU foi acionada para atendimento necessário. A família do adolescente foi contactada pela Secretaria de Estado de Segurança Pública (SSP), que deverá prestar apoio e suporte ao funeral. O Sistema de Justiça de Imperatriz também já foi informado sobre o episódio.

Através de nota, a Funac informou também que está tomando todas as devidas providências em relação ao incidente. “[O órgão] designou uma equipe da gestão para acompanhamento in loco das apurações e determinou a imediata abertura de processo de sindicância investigativa para a apuração interna dos fatos”, indica.

VER COMENTÁRIOS
MOSTRAR MAIS