MANIFESTAÇÃO

Caminhoneiros protestam contra aumento de combustível em rodovias no MA

Os motoristas dos veículos de carga se reuniram em quatro pontos de rodovias federais, em São Luís, Imperatriz, Caxias e Balsas.

Caminhoneiros e carreteiros de vários estados brasileiros realizam desde esta segunda, 21, protestos contra os aumentos nos preços dos combustíveis. No Maranhão, ainda esta manhã, os motoristas paralisaram no km 12 da BR 135, deixando apenas uma via livre para o trânsito.

Veja Também

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), nas primeiras horas da manhã os condutores de veículos de carga já se concentravam próximo à entrada de São Luís. A previsão era de que a via fosse liberada às 6h, mas os motoristas permeneceram até por volta das 8h da manhã.

Equipes da Polícia Militar e da PRF auxiliavam no trânsito da rodovia, que seguia apenas com a faixa da esquerda liberada. Segundo os manifestantes, está programada uma nova manifestação ainda para hoje à tarde, com concentração próxima ao posto de combustível Maguinolinha, na BR 135.

Ainda ontem, em São Luís, um grupo de manifestantes se reuniu reuniu no posto Magnólia, na altura do km 8 da BR 135. Eles saíram em carreata ocupando uma das faixas de rolamento, o que provocou lentidão no trânsito. Logo em seguida bloquearam a via em protesto. Às 16h30, no km 03 do trecho secundário da rodovia de acesso à BR 135 no sentido Porto do Itaqui, a via Federal foi fechada permanecendo interditada até as 17h30, quando o local foi liberado totalmente.

Em outros três pontos das rodovias federais que cortam o estado, a PRF também registrou manifestações. Por volta das 11h da manhã de ontem, 21, motoristas de veículos de carga se reuniram no km 544 da BR 316, no município de Caxias, e bloquearam a via para evitar o deslocamentos de caminhões e carretas. Outros veículos, como passeios, caminhonetes e motocicletas não foram impedidos de transitar. A manifestação durou até as 17h.

Em Imperatriz, na altura do km 246 da BR 010, por volta das 15h desta segunda, outro grupo interditou a rodovia. A manifestação durou até 18h, quando a via foi liberada. Pouco tempo depois a via foi novamente interditada.

No km 405 da BR 230 em Balsas, por volta das 19h, ocorreu uma interdição parcial, também como forma de manifestação dos motoristas de veículos de carga, que reivindicam redução na tarifa de combustível.

VER COMENTÁRIOS
CONTINUAR LENDO
MOSTRAR MAIS