MANIFESTAÇÃO

Profissionais de enfermagem fazem manifestação no bairro Renascença

O grito de guerra dos manifestantes era “Enfermagem unida a luta continua”

manifestação

Na tarde desta terça-feira, 12, foi realizada uma manifestação por profissionais da área de enfermagem na Av. Colares Moreira bairro Renascença. A concentração inicial dos enfermeiros foi em frente ao Conselho Regional de Enfermagem do Maranhão (COREM),onde protestaram contra o Sindicato dos Enfermeiros do Estado do Maranhão e o Sindicato dos Hospitais Clínicas e Casas de Saúde de São Luís por causa de um acordo feito entre eles sobre a nova carga horária de trabalho que passou a ser 12 por 36.O grito de  guerra dos manifestantes era “Enfermagem unida a luta continua”.

A manifestação além de ser uma homenagem à semana do Dia Internacional do Enfermeiro, foi o momento em que os profissionais cobraram mais respeito por parte do COREM, dos dois sindicatos responsáveis pela categoria.
A enfermeira Cassandra Fonseca disse que o piso salarial de um enfermeiro é de R$ 1.700 e este valor é incompatível com a jornada de trabalho. “ Nós trabalharemos dia sim e dia não para receber este pequeno valor, a correria dentro de um hospital é muito grande, ficamos expostos a doenças e não somos reconhecidos por isso” disse a enfermeira.
Segundo o presidente do Conselho Regional de Enfermagem do Maranhão, Carlos Eduardo Castro, toda e qualquer tipo de manifestação a favor da classe é bem vinda por ser uma difícil e desgastante profissão . “ A manifestação é válida, o profissional deve ser lembrado por seu sindicato a partir do momento que é negado ou tirado um direito . Apesar do COREM não ser responsável por alguns dos problemas que eles enfrentam estamos aqui apoiando a classe” ressaltou o presidente.
A equipe do jornal O Imparcial entrou em contato com o Sindicato dos Enfermeiros do Estado do Maranhão e o Sindicato dos Hospitais Clínicas e Casas de Saúde de São Luís e até o fechamento da matéria não obtivemos retorno.
VER COMENTÁRIOS
COLUNAS E OPINIÃO
Concursos e Emprego
Polícia
Você, Gastrô!
Entretenimento e Cultura
Mais Notícias