NEGÓCIOS

Número de turistas deve aumentar 15% no carnaval, diz setor hoteleiro

Representantes da indústria e do sindicato de hoteis projetam números positivos para a temporada carnavalesca no Maranhão

Vista de hotel em São Luís (Alan Azevedo / O Imparcial)

A folia do carnaval está chegando ao Maranhão e a indústria hoteleira se prepara para receber turistas maranhenses, do Brasil e do mundo. A capital São Luís oferecerá shows de Vanessa da Mata, Moraes Moreira, Chico César, Lucy Alves, Dudu Nobre e Arlindinho, além de diversos blocos que prometem movimentar a economia e o turismo do Estado.

Com a agenda de atrações cheia, o setor hoteleiro espera registrar aumento de até 15% no número de turistas no carnaval em relação ao ano passado. A perspectiva é a mesma para a taxa de ocupação de hoteis: um aumento de no máximo 15%.

No último réveillon, a região litorânea de São Luís registrou ocupação de 98% nos leitos, um aumento de 9% em relação a 2018. No Maranhão inteiro, a cifra chegou a 70% no mesmo período de comparação.

Quartos de hotel terão aumento na taxa de ocupação (Alan Azevedo / O Imparcial)

Segundo Armando Ferreira, vice-presidente da Associação Brasileira da Indústria dos Hoteis (ABIH) do Maranhão, eventos desses, como carnaval e réveillon, podem chegar a movimentar cerca de 55 setores da economia. “Turismo melhora a cidade e deixa dinheiro em caixa. É uma valiosa opção para o Maranhão se recuperar da crise nacional que parece estar ficando para trás”.

No entanto, Ferreira afirma que o cenário pode ser melhor. “Enquanto em São Luís temos uma média de 9 mil leitos registrados, em Fortaleza, no Ceará, são 40 mil. Temos que tratar o turismo de forma séria. Poderíamos movimentar muito mais a economia do Estado”.

Para Mary Silva, superintendente do Sindicato Empresarial de Hospedagem e Alimentação do Maranhão (SEHAMA), o setor sente sinais de melhoras da crise. “Isso com certeza vai se refletir no turismo. Nossa expectativa é boa para este carnaval, não apenas para o turismo nacional ou internacional, mas nos deslocamentos internos também”, disse ela.

A superintendente também afirmou que a indústria hoteleira planeja, junto ao Governo do Estado, reduzir a tarifa do hotel quando o hóspede for maranhense. “Temos que incentivar o turismo local, ainda mais nos períodos de baixa temporada”. A medida, no entanto, ainda não será aplicada neste carnaval.

VER COMENTÁRIOS
COLUNAS E OPINIÃO
Concursos e Emprego
Polícia
Você, Gastrô!
Entretenimento e Cultura
Mais Notícias