Alexandre Almeida (PSDB), mostra queixa-crime protocolada nessa terça-feira (18) na polícia federal (Foto: Roberta Aline)

O deputado estadual Alexandre Almeida (PSDB), candidato ao Senado, apresentou nessa terça-feira (18), queixa-crime por ameaça contra Lobão Filho (MDB), na Polícia Federal do Maranhão (PF-MA). A motivação foi uma mensagem de celular que o deputado recebeu logo após veicular propaganda eleitoral na noite de ontem TV.

Alexandre explicou o caso. “Após veicular um programa mostrando que Edson Lobão (MDB) responde diversos inquéritos, o primeiro suplente, que é o filho dele, me ligou duas vezes e eu não pude atender, aí recebi uma ameaça clara por mensagem”, disse em entrevista.

Mensagem virou caso de polícia (Foto: O Imparcial)

Nas mensagens anexadas na representação à qual O Imparcial teve acesso, é possível ler o seguinte: “Oi Alexandre, é o Edinho. Estou tentando falar com você. Vi seu programa. Só queria te dizer uma coisa, a política acaba. Faltam poucos dias para a eleição e você ganhou um inimigo para o resto da vida. Vamos nos encontrar em breve e discutir o assunto de homem pra homem. Me aguarde”.

Lobão Filho promete responder na justiça (Foto: Antonio Cruz/Agência Brasil)

Em contato por telefone, Lobão Filho afirmou que ficou incomodado com o programa eleitoral, mas que a intenção da mensagem era apenas conversar pessoalmente. “Meu pai não tem nenhum processo, mas o senhor Alexandre Almeida, um candidato com 0% nas pesquisas, resolveu centrar [seu ataque] em quem é o líder das pesquisas. Eu fico muito triste. E em determinado momento eu apenas escrevi para ele me explicar direitinho qual é essa técnica dele de agredir meu pai”, disse.

“Agora, se ele quer fazer dessa simples mensagem um ato político, ele que faça, utilize esse instrumento baixo e podre da política para subir um ponto na votação medíocre que ele tem. É um imberbe que não tem nenhuma experiência de nada na política e que faz uma atitude como essa atacando e denegrindo a honra dos outros de forma criminosa e irresponsável”, completou.

Primeiro suplente de Edson Lobão, Lobão Filho informou ainda que irá procurar a justiça para defender seu pai das acusações sofridas na TV. O objetivo é tirar do ar os programas eleitorais de seu mais novo inimigo político.

VER COMENTÁRIOS
CONTINUAR LENDO