PONTE DA DISCÓRDIA

MDB aciona TRE por propaganda eleitoral antecipada de Flávio Dino

O vídeo publicado ontem nas redes sociais teria motivado a ação. Para o governador, a ação é uma maldade de 3 famílias que comandaram o estado contra o povo de Bequimão

Foto: Reprodução

Um vídeo contagiante. Com imagens aéreas, a câmera ia aos poucos mostrando a fila enorme de caminhões. Na carroceria, grandes estruturas de ferro estavam colocadas uma em cima da outra. Uma lona vermelha com as inscrições com letras garrafais anunciavam que ali estaria a parte final da tão sonhada Ponte Central-Bequimão. Mas para o MDB, da ex-governadora Roseana Sarney, o vídeo não passa de mais uma propaganda eleitoral antecipada.

Foi com base na postagem feita na manhã de terça no Twitter, 19, que o partido entrou com uma representação no Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão. Para a sigla, tanto o vídeo como a chegada dos caminhões foi uma forma de propaganda eleitoral antecipada do pré-candidato do PCdoB ao governo do estado Flávio Dino.

A resposta não demorou muito. Usando as redes sociais, o governador Flávio Dino divulgou uma nota criticando a ação. Para ele, quem usar do judiciário para impedir coisas boas a população. “Não consigo acreditar que agora a maldade das 3 famílias que mandaram no Maranhão se volta contra a tão sonhada Ponte Central- Bequimão”, alfinetou o pré-candidato ao palácio dos leões.

Teste de DNA

Foto: Reprodução

Com a chegada dos ferros ao pequeno município de Bequimão, a paternidade da ponte se tornou importante. Em nota divulgada a imprensa na noite desta quarta, a pré-candidata do MDB lembrou que a concepção do projeto foi realizado no governo dela. “Ele não cita que esta obra foi projetada, planejada, aprovada e teve seus recursos empenhados no governo anterior”, critica. Para ela, faltou boa vontade e vergonha na cara do governador para tirar a obra do papel. “VERGONHA é este governo fazer um desfile de carretas para dizer que agora vai fazer a obra que Roseana projetou, licitou e deixou os recursos para que a ponta fosse feita”, pontuou.

Mas não é bem isso que os arquivos da Assembleia Legislativa afirmam. Em setembro de 2017, o então deputado estadual Zé Inácio (PT) subiu a tribuna para parabenizar o governador Flávio Dino, por aprovar a licitação das obras da ponte em Bequimão. Na época o deputado destacou a importância do projeto para redução de 32km a viagem entre cedral e a MA-106, principal acesso a Cujupe. “Em nome do povo da Baixada Maranhense quero agradecer ao governador Flávio Dino por este ato. A partir de agora as comunidades daquela região terão mais facilidade no acesso à capital”, destacou o deputado.

Mas a data do projeto final é de Julho de 2017, quando o governador Flávio Dino se reune com engenheiros para debater sobre a ponte de 580m sobre o Rio Pericumã. Na ocasião foi apresentada ao governador uma construção inovadora, devido as dificuldades com a profundidade do rio e o terreno mole da área. A estimativa era que fossem gastos 59 milhões durante a construção.

https://www.youtube.com/watch?v=DO_m2-AF7Es

Confira a nota completa de Roseana Sarney

O governador Flávio Dino usa de maldade em suas palavras quando escreve nas redes sociais transferindo para o grupo Sarney a culpa da não construção da ponte sobre o rio Pericumã, obra que irar mudar por completo a vida de todos os cidadãos da baixada. Ele não cita que esta obra foi projetada, planejada, aprovada e teve seus recursos empenhados no governo anterior faltando apenas a boa vontade desse governo em fazer acontecer a obra mais importante da região. VERGONHA é este governo fazer um desfile de carretas para dizer que agora vai fazer a obra que Roseana projetou, licitou e deixou os recursos para que a ponta fosse feita. Apesar de Flávio Dino e Clayton Noleto haverem divulgado fotos de carretas com a estrutura metálica para a ponte chegando à Baixada Maranhense, no local existe apenas o canteiro de obras e algumas estacas. Essa obra, senhor Flávio Dino já deveria estar inaugurada, de acordo com a vigência do contrato que termina em setembro deste ano. Mas o seu governo é muito lento. Incapaz. Preguiçoso, mesmo. O senhor, com sua lerdeza, é que está penalizando a Baixada. Fale a verdade pelo menos uma vez, governador.

VER COMENTÁRIOS
CONTINUAR LENDO
MOSTRAR MAIS