CORONAVÍRUS

No Maranhão

4762
167948
158492
3664
ELEIÇÕES 2016

Parte dos vereadores devem apoiar Edivaldo Holanda Júnior na eleição de 2016

A motivação é a melhoria da gestão e pelo apoio de Flávio Dino ao prefeito

A renovação da Câmara Municipal de São Luís começa a sair dos bastidores para ganhar corpo entre os interessados na reeleição. O fenômeno da mudança na eleição de 2014 somada à substituição em 50% do quadro nos últimos pleitos proporcionam uma corrida antecipada pelos votos nas comunidades.
Os candidatos à reeleição acreditam que a troca de membros nos mandatos poderá chegar a 60%. Todos os vereadores com mandato têm como decisão concorrer à reeleição como vereador. Alguns, como a vereadora Rose Sales (PV), anunciaram a possibilidade de enfrentar uma candidatura para a Prefeitura de São Luís.
Fabio Câmara (PMDB) continua candidato a vereador, mas seu partido pode ter candidato próprio tendo como opção o seu nome. “O meu projeto prioritário é o da reeleição. Mas sou um soldado do PMDB que, certamente, terá candidato para a Prefeitura de São Luís”, disse. O ex-presidente da Executiva Municipal, deputado Roberto Costa, tem mencionado a intenção da legenda se coligar com o prefeito Edivaldo Holanda, fato que gerou polêmica entre os caciques da legenda.
A chegada do grupo político do governador Flávio Dino (PCdoB) no Palácio dos Leões determinou entre os vereadores a certeza de que o governo do estado vai conduzir os caminhos da próxima eleição. A parceria de obras com o prefeito Edivaldo Holanda mudou o cenário e melhorou a imagem da Prefeitura.
“No momento em que os governos municipal e estadual desenvolvem ações em favor da cidade, é evidente que haja um fortalecimento em todo o Legislativo municipal, potencializando a reeleição dos vereadores. De forma inédita, podemos presenciar o governo do estado e a Prefeitura de São Luís trabalhando em favor do povo ludovicense, na área de infraestrutura, saúde, assistência social, cultura e tantas outras”, comenta o líder do governo na Câmara de São Luís, Osmar Filho (PDT).
Para Pedro Lucas Fernandes (PTB), Edivaldo “precisou arrumar tudo que encontrou em desordem” para então iniciar os grandes projetos. “Todos nós somos sabedores da triste realidade em que São Luís se encontrava há pelo menos quatro anos. Foi um árduo trabalho, com mais acertos que erros, sempre dialogando com a população, melhorando a qualidade de vida daqueles que realmente precisam”, comenta.
Apoiar para sobreviver
Para Professor Lisboa, do PCdoB, a harmonia entre os poderes motiva vereadores a seguirem com a Prefeitura e Governo. Para alguns vereadores, não por convicção, mas por uma questão de “sobrevivência política”. “Acredito na harmonia entre os poderes e no respeito aos valores da República. Porém, conhecendo as dinâmicas da articulação política, percebo que há uma forte tendência a um alinhamento de parte significativa dos pré-candidatos a vereador tanto ao governo do prefeito Edivaldo, como ao governo Flávio Dino. Muito mais por necessidade de sobrevivência política do que por convicção”.
O veterano vereador Chico Carvalho (PSL) observa uma forte possibilidade de influência do Executivo estadual e municipal na reeleição dos atuais vereadores e na eleição de novos postulantes ao mandato. “Muito grande. Isso porque alguns candidatos a vereador tomam para si – ou lhes são equivocadamente (ou intencionalmente) atribuídas – a titularidade de algumas ações ou obras governamentais, confundindo o papel de parlamentar com o de chefe do Poder Executivo, o que acabará induzindo o eleitor de boa-fé”.
Fabio Câmara pensa diferente. Para ele, esse cenário pode não ser a garantia de vitória dos vereadores alinhados com o Executivo. “As forças de duas máquinas operando juntas é algo a se considerar. Porém, nada supera a vontade popular. E pelo andar da carruagem, tanto estado, quanto município, parecem rumar ladeira abaixo”, comenta.
Pedro Lucas acredita na influência dos poderes executivos, mas, para ele, o desejo da população é soberano. “Entendemos que independente da posição do Executivo municipal e estadual, temos muito trabalho a ser reconhecido pela população. O apoio – tanto da Prefeitura, quanto do Governo – é sempre importante, mas, sem o aval da população que está vendo quem realmente fez alguma coisa pela cidade, de nada adiantará tal influência”, acredita.
Por que concorrer à reeleição?
Osmar Filho (PDT)

Serei candidato por acreditar que posso continuar contribuindo com a minha cidade. A minha atuação é feita de forma participativa com a população, com responsabilidade e transparência. É a partir disso que fazemos a interlocução junto ao poder público e elaboramos nossas proposições

Osmar Filho (PDT)
 
Fábio Câmara (PMDB)

Como vereador de São Luís, elegi enquanto prioridade para esse meu primeiro mandato a fiscalização e o acompanhamento da gestão executiva. (Para 2016) o meu projeto prioritário é o da reeleição. Mas sou um soldado do PMDB que, certamente, terá candidato para a Prefeitura de São Luís

Fábio Câmara (PMDB)
 
 
Pedro Lucas Fernandes (PTB)

Serei candidato à reeleição. Não meramente por mais quatro anos de mandato, mas por entender que podemos contribuir muito mais para o desenvolvimento da nossa cidade, da população que nela habita, além daqueles que a visitam. Trabalhamos muito nesses quatro anos pelos direitos dos estudantes, pela atenção às escolas comunitárias, por mais acesso à população da zona rural, entre outros projetos

Pedro Lucas Fernandes (PTB)
 
Chico Carvalho (PSL)

Sou político convicto, trago nas veias o sangue de um político. Com a graça de Deus serei candidato em 2016 para dar continuidade aos projetos desenvolvidos ao longo dos meus seis mandatos, notadamente sendo o porta-voz da população dos bairros de São Luís

Chico Carvalho (PSL)
 
 
{'nm_midia_inter_thumb1':'http://www.oimparcial.com.br/_midias/jpg/2015/11/29/117x83/1_2911___professor_lisboa___politica_pg3-175661.jpg', 'id_midia_tipo':'2', 'id_tetag_galer':'', 'id_midia':'565afd45a4463', 'cd_midia':175669, 'ds_midia_link': 'http://www.oimparcial.com.br/_midias/jpg/2015/11/29/231x175/1_2911___professor_lisboa___politica_pg3-175661.jpg', 'ds_midia': '
Professor Lisboa (PCdoB)', 'ds_midia_credi': 'Divulgação', 'ds_midia_titlo': '
Professor Lisboa (PCdoB)', 'cd_tetag': '1', 'cd_midia_w': '231', 'cd_midia_h': '175', 'align': 'Left'}Concorro à reeleição sendo que, por convicção, pretendo exercer a função de vereador apenas mais uma vez para desenvolver ações de grande importância e impacto sociais
Professor Lisboa (PCdoB)
VER COMENTÁRIOS
Concursos e Emprego
Gastronomia
Entretenimento e Cultura
Checamos
Polícia
Mais Notícias