IMPERATRIZ

Bandidos armados sequestram motorista de aplicativo

Os policiais mandaram o motorista parar, mas como ele estava sob a mira da arma, continuou seguido em alta velocidade pela marginal direita da BR-010.

Reprodução

Policiais militares da Guarnição de Serviços do bairro Bacuri foram informados que três elementos haviam sequestrado um veículo do aplicativo Uber, fato ocorrido na BR-010, próximo ao Conjunto Vitória.

Segundo o taxista Caio Silva Bandeira, os três elementos colocaram um arma de fogo, que depois foi identificada como um revólver calibre 32, em sua cabeça, e o mandaram seguir em frente.

Os policiais mandaram o motorista parar, mas como ele estava sob a mira da arma, continuou seguido em alta velocidade pela marginal direita da BR-010.

Próximo à entrada que dá acesso ao bairro Morada do Sol, um dos bandidos pulou do Uber e empreendeu fuga por um matagal existente na área. Os dois seguiram com o motorista e tomaram o rumo do Jardim São Luís, onde os policiais fizeram disparos e o motorista parou.

Os dois bandidos, identificados por Natan Sousa Silva, 18 anos, e Marcos Vinicius Pereira Lisboa, 19 anos, foram presos. O motorista Caio Silva Bandeira nada sofreu. Segundo os próprios acusados, eles já tinham passagens pela polícia. Marcos Vinicius Pereira Lisboa é acusado de envolvimento em um homicídio.

Com Marcos Vinicius Pereira Lisboa, os policiais apreenderam um revólver calibre 32 com três estojos intactos e um celular. Antes de pegarem o Uber, os dois assaltaram uma barbearia, de onde roubaram celulares de clientes e dos próprios profissionais que estavam trabalhando. A polícia já levantou o nome do terceiro elemento que fugiu e já está em seu encalço. Os dois presos, juntamente com a arma de fogo, munições e demais objetos apreendidos, foram apresentados na Delegacia de Polícia Civil de Imperatriz, onde foram feitos os procedimentos legais pela autoridade policial de plantão.

VER COMENTÁRIOS
Concursos e Emprego
Polícia
Você, Gastrô!
Entretenimento e Cultura
Mais Notícias