MARANHÃO

Três mulheres já foram mortas em apenas dois dias

O IML levou o corpo da vítima para exames de praxe

Reprodução

Nos últimos dias, quinta (10) e sexta-feira (11), três mulheres foram assassinadas em são Luís e no interior do Maranhão. Dois casos estão sendo investigados como feminicídio.

Na tarde da sexta, Evaldo Lima Sampaio assassinou a namorada Dayane Christina Oliveira Nunes, de 33 anos, a tiros. O crime aconteceu no apartamento do suspeito, em um condomínio, na Avenida dos Franceses, no bairro do Outeiro da Cruz. Neste ano já foram registrados 43 feminicídios este ano no Maranhão. Ano passado foram 45 ocorrências.

Na cidade de Duque Bacelar, Rosilene Teixeira Dias foi morta pelo ex-companheiro, Antônio Almeida de Sousa, de 45 anos. Ele foi preso em flagrante. Antônio Almeida tentava reatar o relacionamento, mas a mulher não queria. Na tarde de quinta, eles se encontraram no centro da cidade e voltaram a discutir. Durante o bate-boca, Antônio esfaqueou a ex-companheira. Ela não resistiu aos ferimentos.

O terceiro caso, que é investigado como assassinato, ocorreu na madrugada de sexta, em Trizidela do Vale. Rejane Monteiro da Silva, que, segundo a polícia, era usuária de entorpecente. O principal suspeito do crime é Claucione dos Santos, que foi assaltado e levaram R$ 300.

Ele comunicou o fato aos policiais militares, mas tentou identificar os criminosos, dizendo que os mataria. Minutos depois, ele encontrou Rejane e perguntou se ela conhecia os assaltantes. Ao dizer que não sabia de nada, ele a matou com uma facada no pescoço. O suspeito foi preso em flagrante.

VER COMENTÁRIOS
Concursos e Emprego
Polícia
Você, Gastrô!
Entretenimento e Cultura
Mais Notícias