SÃO LUÍS

Uber divulga nota após assassinato de motorista em São Luís

Edmilson Pimenta morreu na noite do último domingo, durante tentativa de assalto enquanto trabalhava pelo aplicativo

Enterro de Edmilson. Foto: Gilmar de Lima

A morte de Edmilson Pimenta, de 54 anos, ocorrida no domingo (6) em São Luís, gerou comoção na Grande Ilha. O motorista de Uber trabalhava pelo aplicativo ao deixar uma cliente no bairro da Liberdade, quando foi surpreendido por dois criminosos que tiraram sua vida a tiros em uma tentativa de assalto.

Revoltosos e compadecidos, companheiros de trabalho fizeram uma carreata na tarde da última segunda-feira (7) que reuniu cerca de 800 carros com homenagens a Edmilson, lotando as ruas do Cohatrac até o local do velório e do enterro, no cemitério do bairro do São Cristóvão, em São Luís.

Ubers de São Luís prestam luto a motorista morto. Foto: Gilmar de Lima

Procurada pelo O Imparcial, a empresa Uber se pronunciou, em nota, sobre o ocorrido:

Nota

Estamos profundamente entristecidos em saber que o Edmilson Azevedo foi vítima desse crime terrível. Compartilhamos nossos sentimentos de mais profundo pesar com a família do Edmilson. A Uber está à disposição para colaborar com as investigações, na forma da lei, e esperamos que as autoridades tragam o responsável à justiça o mais rápido possível.

Questionada sobre os direitos referentes a possíveis indenizações à família de Edmilson devido aos perigos expostos aos motoristas durante a jornada de trabalho, a Uber preferiu não se manifestar.

VER COMENTÁRIOS
COLUNAS E OPINIÃO
Concursos e Emprego
Polícia
Você, Gastrô!
Entretenimento e Cultura
Mais Notícias