Crimes

Polícia Civil prende três pessoas suspeitas por roubo em Pio XII

Em um dos casos, a vítima teve a liberdade restringida e obrigada a realizar uma transferência bancária.

No local, foram encontrados vários materiais utilizados pelos os suspeitos. (Foto: Reprodção/Polícia Civil)

Nessa quinta-feira (16), no município de Pio XII, a Polícia Civil cumpriu, três mandados de prisão preventivas contra suspeitos de praticarem por duas vezes os crimes de roubo, mediante o emprego de ameaça exercida com arma de fogo e extorsão qualificada.

Em um dos casos, a vítima teve a liberdade restringida e obrigada a realizar uma transferência bancária, modalidade conhecida como sequestro-relâmpago.

Segundo a Delegacia de Polícia de Pio XII, durante diligências policiais, foi possível identificar o veículo que deixou os suspeitos nas proximidades da residência da vítima, veículo este que foi localizado posteriormente, escondido em uma residência no Povoado Baiano Novo, zona rural de Pio XII. 

Com o apoio da Delegacia Regional de Santa Inês e a Delegacia de Santa Luzia, a Polícia Civil deu cumprimento ao mandando de prisão contra os três suspeitos, sendo também encontrada uma pistola calibre 40, com dois carregadores e várias munições e dez aparelhos celulares roubados.

No imóvel, os policiais ainda encontraram uma pedra bruta de substância sólida, aparentando ser cocaína; 57 pequenas porções de cocaína em embalagens de comercialização (pinos); uma sacola contendo diversas embalagens plásticas para acondicionar a cocaína; um tablet de maconha; duas balanças de precisão; um rolo de plástico insufilm e de papel alumínio, utilizado para embalar porções de maconha para a venda.

As roupas utilizadas pelos suspeitos durante os assaltos foram: uma motocicleta Honda, com registro de roubo/furto, do município de Bacabal e um veículo Renault Logan.

Diante do ocorrido, os três homens receberam voz de prisão e foram conduzidos à Delegacia de Polícia Civil de Pio XII para providências de polícia judiciária, sendo autuados inicialmente por tráfico de entorpecentes, posse de arma de fogo de uso restrito e receptação.

Além de responderem a outros inquéritos policiais pelos crimes praticados anteriormente. As vítimas compareceram à unidade e reconheceram os autores.

VER COMENTÁRIOS
Esportes
Entretenimento e Cultura
Concursos e Emprego
Polícia
Mais Notícias