Em Monção

Possível vítima de homofobia é morto após sair de seresta no Maranhão

Imagens de câmeras de segurança mostram o jovem, identificado como Jacó, ensanguentado e caindo sem vida próximo à uma pousada.

Vítima, identificada como Jacó, teria sido morto por homofobia por parte do assassino no município de Monção, no Maranhão. (Foto: Divulgação)

Um jovem, identificado apenas como Jacó, teria sido vítima de homofobia no município de Monção, no Maranhão. O caso está sendo investigado pela Delegacia Regional de Santa Inês.

Segundo investigadores da Polícia Civil, Jacó, que era homossexual, estava em uma seresta com amigos, quando, ao terminar a festa, ele teria saído do local acompanhado com um rapaz, não identificado.

Ainda de acordo com os investigadores, após a seresta, Jacó teria ido à uma pousada com o rapaz. Imagens das câmeras de segurança mostram os dois indo até o local e, por volta de 40 minutos depois, a vítima voltando toda ensanguentada.

As imagens mostram, ainda, Jacó caindo logo adianta, onde acabou morrendo. A vítima teria sido degolada com golpes de facão e a polícia não descarta que se trate de um caso de homofobia.

Além das imagens das câmeras de segurança estarem sendo investigadas, testemunhas que estavam na festa estão sendo convocadas para prestar depoimento.

Agora, os investigadores buscam, também, identificar e prender o assassino que matou Jacó.

VER COMENTÁRIOS
Esportes
Entretenimento e Cultura
Concursos e Emprego
Polícia
Mais Notícias