SUPERAÇÃO

Com fibra e garra, Papão elimina o América-RN e se classifica

Moto conquista vitória histórica e dá o troco no rival que o eliminou recentemente na Série D do Brasileiro

Jef Silva (esquerda) fez o gol de empate rubro-negro no tempo normal. (Foto: Lance!)

O Moto Club de São Luís conquistou um resultado histórico na noite desta quinta-feira (21), ao eliminar o América-RN na segunda fase eliminatória da Pré-Copa do Nordeste, na Arena das Dunas, em Natal.

Depois de um empate por 1 a 1, arrancado no finalzinho do jogo (gol de Jef Silva), o time maranhense foi impecável na cobrança dos tiros livres direto da marca do pênalti e saiu vencedor por 5 a 4. O placar final acabou premiando a equipe que jogou com muita “fibra e garra”, do começo ao fim da partida, apesar de enfrentar muitas dificuldades, inclusive desfalques de última hora, mas fazendo sua torcida vibrar no embalo do hino.

Agora, o próximo adversário será o vencedor do confronto entre River-PI e CRB-AL, que jogam ainda nesta noite.

O jogo

No primeiro tempo, o Moto jogou retraído no seu campo de defesa, do que se aproveitou o América para atacar e levar real perigo em quatro oportunidades, sempre em chutes fortes de fora da área. Inicialmente, aos 6 minutos, Mazinho entrou pelo meio da defesa e bateu rasteiro, mas a bola saiu pela linha de fundo, rente ao poste direito. Aos 9 min, o motense Wallace Lima recebeu na esquerda do ataque, livrou-se de dois zagueiros, mas demorou a finalizar. O goleiro do América se antecipou e fez a defesa.

O time potiguar seguiu dominando o jogo, aos 11 minutos Luís Henrique livrou-se do lateral Diego Renan e bateu forte, mas a bola chocou-se contra o travessão. Aos 29 minutos foi a vez de Erick Varão arriscar, de longe. A bola ganhou efeito e bateu no poste direito do goleiro João Paulo.

Aos 35, outra vez Luís Henrique livrou-se de Diego Renan, derivou para o meio e bateu forte na trave. O América-RN só não abriu o marcador porque aos 37 minutos o goleiro João Paulo fez ótima defesa e mandou para escanteio um chute do meia Esquerdinha.

Zaga motense resistiu ao sufoco.(Foto: Adriano Abreu/Tribuna do Norte)

Na segunda etapa, o Moto mudou de postura nos primeiros minutos e contragolpeou com mais perigo. Aos 8 minutos, o lateral Esquerdinha cruzou na medida para a cabeçada do atacante Wallace Lima, para fora, com real perigo, de dentro da grande área. Dois minutos depois foi a vez de Márcio Diogo também presentear o atacante Wallace, que chegou atrasado e o goleiro Samuel Pires saiu da área para fazer a defesa.

O América respondeu aos 14 minutos, quando Alvinho cabeceou com perigo uma bola que raspou o poste direito e saiu pela linha de fundo, após levantamento feito pelo lado esquerdo do ataque potiguar. Três minutos depois, Wesley recebeu livre no lado esquerdo, mas chutou para fora, perdendo mais uma grande chance.

A equipe do Rio Grande do Norte dominava as ações, mas chutava muito de fora da área e o goleiro João Paulo defendia todas. O Papão cresceu com a entrada de Everton Silva. Aos 33 minutos, ele foi à linha de fundo e cruzou rasteiro para Wallace Lima (quase debaixo da trave) tocar a bola no travessão, desperdiçando enorme chance de abrir o marcador em favor do time maranhense.

O América foi todo para o ataque, mas não conseguia finalizar com êxito. Até que aos 41 minutos Luís Henrique recebeu livre na intermediária e bateu forte, abrindo o marcador. O time potiguar, a partir dessa vantagem, tratou de se defender para tentar manter o resultado. O Rubro-Negro insistiu e num lançamento de Wander, aos 45, Jef Silva desviou do goleiro, empatando o jogo: 1 a 1.

Nos minutos finais, o time do Rio Grande do Norte ainda tentou, mas não conseguiu a vitória no tempo normal. Final de jogo e a decisão em cobranças de tiros livres direto da marca penal.

Todos os cobradores do Moto Club – Everton Silva, Wander, Diego Renan, Jef Silva e Wallace Lima – converteram. Jean Pierre, do América, bateu pelo alto e desperdiçou. Final: 5 a 4 para o Rubro-Negro maranhense.

VER COMENTÁRIOS
Esportes
Entretenimento e Cultura
Concursos e Emprego
Polícia
Mais Notícias