CORONAVÍRUS

No Maranhão

568
353095
309592
10120
OPORTUNIDADE

Secretaria Municipal de Saúde de São Luís abre processo seletivo com 500 vagas

Contratados devem atuar na rede de atendimento da COVID-19, há vagas para os níveis médio, técnico e superior

Foto: Reprodução

Em edital publicado nesta terça-feira (27) no Diário Oficial do Município, a Secretaria de Saúde de São Luís (SEMUS) informa a realização de Processo Seletivo Simplificado para contratação de profissionais e formação de cadastro de reserva, a exercerem atividades na rede de atendimento à COVID-19.

Os aprovados serão lotados nos Centros Municipais de Atendimento as Síndromes Gripais, Centros de Vacinação e Hospitais de Referência COVID-19, visando o atendimento à população e o combate à propagação da doença.

As inscrições serão realizadas exclusivamente pela internet, por meio do endereço eletrônico, no período compreendido entre às 00h do dia 29 às 23h:59m do dia 30 de julho, mediante preenchimento de formulário eletrônico. Não será cobrada taxa de inscrição para a participação no Processo.

Os candidatos serão avaliados segundo os critérios de Avaliação de Títulos e Experiência Profissional, conforme pontuação estabelecida no certame. A Divulgação Final dos Resultados está prevista para 13 de agosto.

O edital prevê vagas imediatas para os níveis médio, técnico e superior, além da formação de cadastro reserva. Os cargos de nível superior são para Assistente Social, Enfermeiro, Farmacêutico, Fisioterapeuta, Fonoaudiólogo, Nutricionista, Psicólogo e Terapeuta Ocupacional.

Entre as funções de nível técnico, encontram-se Técnico de Enfermagem e Técnico em laboratório. Já para o nível médio, são solicitados os cargos de Assitente Administrativo, Agente de Portaria, Agente de Regulação, Auxiliar de Farmácia, Auxiliar de Manutenção, Auxiliar Operacional de Serviços Diversos, Copeiro e Maqueiro.

Serão destinadas 15% das vagas para pessoas com deficiência. Também fica vedada a participação de candidatos pertencentes ao grupo de pessoas consideradas vulneráveis frente ao novo coronavírus, como portadores de doenças crônicas, comorbidades, gestantes e lactantes.

Os contratados exercerão as atividades pelo período inicial de até 06 (seis) meses, podendo ser prorrogado por igual período, uma única vez, nos termos da Lei 4.891/2007. O Seletivo tem validade de dois anos.

VER COMENTÁRIOS
Esportes
Entretenimento e Cultura
Concursos e Emprego
Polícia
Mais Notícias