CORONAVÍRUS

No Maranhão

868
53508
25120
1285
STELLAR BANNER

Após aval de seguradoras navio será afundado nesta sexta-feira

Monitoramento de atividades continuarão depois do afundamento para fiscalizar possíveis contaminações ou materiais volantes

Stellar Banner encalhou no dia 24 de fevereiro de 2020 após sofrer avaria na proa ao deixar o Terminal Marítimo de Ponta da Madeira

Em nota lançada pela Marinha do Brasil, nesta quinta-feira (11) o plano para afundamento do navio “Stellar Banner” foi aprovado pelo representante da Autoridade Marítima, após análise e concordância com a Autoridade Ambiental. Continuam os preparativos para o afundamento da embarcação, de acordo com as ações planejadas para conter qualquer impacto ambiental.

Segundo as informações divulgadas a Sociedade Protection and Indemnity (P&I) emitiu aval sobre a retirada dos materiais contaminantes e flutuantes de bordo, documento necessário para o prosseguimento da atividade de redução dos hidrocarbonetos no Navio e, posteriormente, o afundamento da embarcação amanhã (12).

A aeronave POSEIDON, contratada pelo IBAMA, realizará o monitoramento de possíveis manchas de óleo durante e após a fase do afundamento. O AHTS (Anchor Handling Tug Supply) Bear, o OSRV (Oil Spill Response Vessel) Água Marinha na contingência, o OSV (Offshore Support Vessel) Normand Installer e o Navio de Apoio Oceânico (NApOc) “Iguatemi”, da MB, estão na cena de ação para fiscalizar as atividades e permanecerão no local após o afundamento a fim de verificar possíveis contaminações ou materiais volantes que por ventura se desprendam do Stellar Banner.

A Marinha do Brasil, por meio do Com4ºDN e da Capitania dos Portos do Maranhão, mantém a fiscalização das atividades junto com as autoridades ambientais do estado do Maranhão, na presença da Secretaria de Estado do Meio Ambiente e Recursos Naturais e do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis.

Os órgãos e empresas envolvidas continuam envidando esforços e recursos possíveis, visando solucionar o ocorrido, sempre atendendo às normas e legislação em vigor, priorizando a salvaguarda da vida humana no mar, a proteção do meio ambiente e segurança da navegação

VER COMENTÁRIOS
Concursos e Emprego
Notícia Boa
Checamos
Polícia
Gastronomia
Entretenimento e Cultura
Mais Notícias