Ambulantes

Shopping do Comércio Informal em São Luís volta a ser discutido

Vereador Ricardo Diniz propôs frente parlamentar para discutir a situação

Reprodução

Na tentativa de evitar a irregularidade e debater melhorias para o trabalho informal na capital, o vereador Ricardo Diniz (PRTB) propôs uma frente parlamentar para discutir a situação do comércio informal de São Luís na Câmara Municipal.

No evento, foi proposta a criação do Shopping do Comércio Informal de São Luís, a fim de trazer qualidade de trabalho e um ambiente estruturado para a execução das atividades dos comerciantes, visto que, devido à finalização das obras do Complexo Deodoro e da Rua Grande, os vendedores ambulantes foram deslocados da rua do principal Centro Comercial de São Luís, sendo a retirada feita, gradativamente, desde o dia 7 deste mês.

Segundo Diniz, a venda informal e a ocupação desordenada prejudicam o comércio na capital, uma vez que descumpre com a lei tributária. “A implantação do shopping visa obedecer a legislação, mas, sobretudo oferecer qualidade de trabalho e um local estruturado para que o vendedor possa atender seus clientes, pois é no trabalho que garante o seu sustento e o de sua família”, afirmou.

Na oportunidade, estavam presentes o deputado estadual Wellington do Curso (PSDB), a Defensoria Pública, a Ministério Público do Maranhão, além da Assembleia Legislativa, da Câmara dos Dirigentes Lojistas, da Secretaria Municipal de Urbanismo e Habitação (SEMURH) e representantes do comércio informal.

VER COMENTÁRIOS
COLUNAS E OPINIÃO
Concursos e Emprego
Polícia
Você, Gastrô!
Entretenimento e Cultura
Mais Notícias