NEGÓCIOS

Maranhão está em 3 lugar na produção de Juçara do Brasil

Os dados da Produção da Extração Vegetal e Silvicultura (PEVS) do IBGE confirmam esse fenômeno. No ano de 2012, por exemplo, foram extraídas 12,3 mil toneladas do produto, mantendo a tendência nos anos seguintes, chegando a 17,5 mil toneladas em 2016

Festa da Juçara. Foto: Reprudução

Festa da Juçara. Foto: Reprudução

Com a produção concentrada no noroeste do estado, o Maranhão aumentou a extração de juçara nos últimos cinco anos, consolidando-se como um dos maiores produtores do fruto. Atualmente, o estado ocupa o terceiro lugar no ranking no país em relação ao alimento, típico da culinária local.

Os dados da Produção da Extração Vegetal e Silvicultura (PEVS) do IBGE confirmam esse fenômeno. No ano de 2012, por exemplo, foram extraídas 12,3 mil toneladas do produto, mantendo a tendência nos anos seguintes, chegando a 17,5 mil toneladas em 2016. O Maranhão foi um dos poucos onde foi registrado crescimento da extração ao longo deste período. Segundo os dados de 2016, o principal produtor de juçara no Brasil continua sendo o estado do Pará, onde foram extraídas 131.836 toneladas em 2016. Em seguida, aparecem Amazonas (57.572 toneladas), Maranhão (17.508 toneladas), Acre (4.459 toneladas), Amapá (2.627 toneladas) e Rondônia (1.605 toneladas).
É no noroeste do Maranhão onde estão os municípios que concentram a maior parte da produção do açaí de todo o estado. A extração do fruto na região vem aumentando gradativamente ao longo dos últimos anos, liderando o crescimento do fruto no estado.

O município de Nova Olinda do Maranhão (a cerca de 360km de São Luís) é o principal produtor de juçara do estado, com uma extração de 2.404 tonelada em 2016. Nos últimos cinco anos, a produção na região cresceu principalmente entre os anos de 2014 e 2015 em que a extração do fruto aumentou 222,5%, passando de 683 para 2.203 toneladas.

Já o município de Luís Domingues (a 570km de São Luís) apresentou uma pequena queda na produção entre 2014 e 2015, mas ainda assim ocupa a segunda posição no ranking das cidades maranhenses produtoras de açaí, com 1.790 toneladas extraídas em 2016. É nesse município que está localizada a propriedade de José Azevedo Filho, de 47 anos. Donda, como é conhecido o proprietário, já tem a fazenda há 14 anos no local e foi um dos pioneiros na extração do açaí na região, quando todos acreditavam que a atividade não traria lucros.

Hoje, ele colhe os frutos de seu investimento e, mesmo trabalhando também com a pecuária e outras culturas, o seu forte é a extração do açaí. Atualmente, uma lata de açaí pesando 15kg é vendida em média a R$ 30,00. Por safra, o produtor extrai cerca de 2.500 latas, o que lhe garante lucratividade.

VER COMENTÁRIOS
CONTINUAR LENDO
MOSTRAR MAIS