MEGA DA VIRADA

O que você faria com 280 milhões?

O maranhense que quiser tentar a sorte tem até às 13h (horário de São Luís) de hoje, 31, para escolher os melhores números para apostar em qualquer lotérica ou pela internet, se for correntista da caixa

Foto: Reprodução

280 milhões de reais. O sonho é para muitos, a possibilidade é para poucos. E a pergunta que não quer calar: O que você faria com esse dinheirão em mãos? Fomos à fila da lotérica conversar com quem aposta na Mega Sena da Virada.

Para a atendente Aline Penha, a gravidez serviu como inspiração na decisão dos números: “Escolhi números relacionados ao momento que estou passando agora: a primeira gravidez, da idade, o tempo de gestação”. Aline acredita que o filho que está por vir trará muita sorte. Sobre o que fará se ganhar 280 milhões, abriu um sorriso e afirmou que os planos são muitos:

Diferente da Aline, o montador de gesso, João Abtibol, conta que escolheu números aleatoriamente. “Veio na minha cabeça”, afirma. Com esse dinheiro o motorista crê que deve ser cauteloso para não fazer besteira. Também acredita que é importante ajudar quem não teve a mesma sorte:

Mas nem todo mundo acredita que poderá ganhar. Em uma gargalhada contagiante, senhor Jafá Bertiz afirma que joga por prazer, um sonho latente. “A chance que eu tenho de ganhar é 1 em 50 milhões de apostas. Então a minha chance é pequena”, afirma. Mas mesmo assim, o joguinho da mega-sena é sagrado. Perguntado sobre o que faria com tanto dinheiro brincou e fugiu da pergunta.

E o senhor Jafá está certo. “A chance de quem apostou de ganhar, é a mesma de quem não fez” explica o professor licenciado e presidente do Instituto Maranhense de Estudos Socioeconômicos e Cartográficos (IMESC), Felipe de Holanda. “Para um volume desses de dinheiro, é necessário que ele tenha uma gestão profissional pra que ele não perca valor com o tempo”, ressalta o professor. Para ele, o felizardo não deve aplicar todo o dinheiro em apenas um local, pois as chances de perder tudo é muito grande.

“Uma boa aplicação seria investir a metade na poupança ou em títulos da dívida pública. A outra metade, o ganhador deverá dividir para a compra de imoveis e aplicações de alto risco, como ações na Bovespa” aconselha Felipe de Holanda

VER COMENTÁRIOS
CONTINUAR LENDO
MOSTRAR MAIS