Agricultura

Governo investe R$ 250 mil na produção de mandioca

Os interessados devem fazer sua proposta até o dia 21 de agosto por meio do site da Fapema

O Governo do Estado, por meio da Fundação de Amparo à Pesquisa e ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Maranhão (Fapema), está apoiando projetos de pesquisa com foco na dinamização da cadeia produtiva da mandioca. Com recursos totais de R$ 250 mil, a ação tem como base o Edital Fapema nº 027/2017 Cadeia Produtiva da Mandioca. Os interessados devem acessar a página da fundação.

A submissão de proposta pode ser feita até o dia 21 deste mês. A sugestão da Fapema é que as pesquisas tenham como foco os municípios do Plano Mais IDH, uma das principais ações de políticas públicas idealizadas pelo governador Flávio Dino em seu programa de governo.

Os projetos também devem ter como foco os municípios contemplados pelas políticas públicas do Programa Mais Produção, mapeados pela Agência Estadual de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural (Agerp) como parte da Cadeia Produtiva da Mandioca. “A chamada pública tem como objetivo promover o desenvolvimento socioeconômico, o empreendedorismo social e a diminuição dos impactos da tecnologia no meio ambiente, dentro da linha de ação Mais Inovação e no âmbito do Programa Tecnologia Social”, destacou o presidente da Fapema, Alex Oliveira.

A ação do Governo do Estado estimula a inserção de estudantes em pesquisas com foco na cadeia produtiva e incentiva a tecnologia e inovação. Os trabalhos irão contribuir, ainda, para a produção de dados científicos sobre a situação da cadeia produtiva da mandioca no Maranhão.

Eixos temáticos à pesquisa do edital

– Técnicas de produção, conservação e regularidade das sementes crioulas;
– Comercialização e competitividade dos produtos da cadeia produtiva da mandioca, com foco nos desafios da comercialização da produção local;
– Processos de beneficiamento à qualidade da mandioca;
– Melhoramento genético e biofortificação das mandiocas (mandiocas biofortificadas);
– Diversificação de produtos derivados da mandioca;
– Manejo e recuperação do solo na perspectiva da agroecologia;
– Manejo do sistema de mandioca e outras diversidades na perspectiva agroecológica;
– Impactos da erosão e a relação com a produção e produtividade da mandioca;
– Caracterização morfológica das variedades da mandioca e a relação com a produção da farinha;
– Tecnologias de irrigação;
– Gestão de agroindústrias de beneficiamento da mandioca;
– Regionalização da farinha de mandioca e de outros derivados;
– Aspectos socioculturais que influenciam na cadeia produtiva da mandioca.

MOSTRAR MAIS