Nordeste

Copa do Nordeste garante R$ 1,1 milhão para maranhenses

Com a criação de subgrupos, a cota relativa ao Sampaio Corrêa deve subir enquanto o Cordino precisa passar da fase preliminar para ter uma receita maior

Sampaio entra na Copa do Nordeste como campeão maranhense.

Em reunião realizada em Salvador nesta sexta-feira (14), a Liga do Nordeste determinou os valores a serem distribuídos como premiação na edição de 2018 da Copa do Nordeste. Sampaio e Cordino devem receber pelo menos R$ 1,1 milhão.

O total será de R$ 22,4 milhões levando apenas cotas de participação. Somando as passagens, hospedagens e arbitragem, bancadas pela verba arrecadada pela liga, o montante chega a R$ 30 mi.

A grande novidade para a próxima edição, que não deve contar com o Sport, é a criação de subgrupos de cotas. Essa mudança foi feita para aplacar as exigências dos clubes e evitar que haja mais desistências como a do clube pernambucano.

Na reunião da Liga do Nordeste, os clubes decidiram criar quatro categorias, a partir do Ranking da CBF – cuja atualização é anual. A regra vale para os três primeiros subgrupos, compostos pelos 12 classificados à fase principal. Os quatro oriundos do Pré-Nordestão, independentemente o rankeamento, ficam no quarto subgrupo. E para quem deixar o torneio muito cedo, ainda na fase de Pré, foi designada uma cota mínima.

Com isso, o Sampaio Corrêa deve ser colocado no Subgrupo 2 da Copa do Nordeste garantindo R$ 850 mil pela participação na fase de grupo. Enquanto o outro representante maranhense é o Cordino, que deve participar do Pré-Nordestão e garantindo R$ 250 mil mesmo se for eliminado nesta fase.

Os dirigentes do Tricolor devem estar sorrindo à toa já que em 2017 o valor recebido pelo Sampaio foi de R$ 300 mil pela participação na Copa do Nordeste. Na pior das hipóteses são mais R$ 550 mil nos cofres do clube. Por outro lado, o Cordino tem uma receita garantida menor que a esperada perdendo cerca de R$ 50 mil caso seja eliminado ainda na fase preliminar pelo Treze-PB.

Confira a premiação total da Copa do Nordeste de 2018

Pré Nordestão – R$ 250 mil (apenas para os 4 clubes eliminados)
Fase de grupos
Subgrupo 1 – R$ 1 milhão (Bahia, Vitória, Ceará e Santa Cruz)
Subgrupo 2 – R$ 850 mil (ABC, Sampaio Corrêa, CRB e Botafogo-PB)
Subgrupo 3 – R$ 775 mil (Salgueiro, Confiança, Altos e Ferroviário)
Subgrupo 4 – R$ 750 mil (os 4 vencedores do Pré-Nordestão)

Quartas de final – R$ 450 mil
Semifinal – R$ 550 mil
Vice – R$ 600 mil
Campeão – R$ 1,5 milhão