Férias em família

Passear gastando pouco na Ilha

O Imparcial preparou uma lista de 10 opções para atividades de lazer para crianças e adultos aproveitando o período das férias sem pesar no bolso

Parque Botãnico da Vale é uma opção de lazer

Época de férias! Tempo bom para aproveitar a família, saindo da rotina, descansando e curtindo programas interessantes. Toda essa diversão, no entanto, acaba muitas vezes custando caro e se tornando um verdadeiro pesadelo a pais e mães que precisam oferecer lazer às crianças, mas, em tempos de crise, estão com a grana curta para bancar uma grande viagem ou passeios mais longos, porém custosos. Para tentar alcançar muita diversão e alegria, O Imparcial preparou uma lista com diversas opções de roteiros e atividades que custam bem pouco ou até mesmo são gratuitas. E o melhor, ainda é possível gerar aprendizado sobre nossa cidade, sua história e seus costumes. Prepare as crianças e embarque nesse roteiro que renderá altas aventuras e histórias para contar após a volta do recesso escolar.

1 – Dia na praia

São Luís é a Ilha do Amor, mas também pode ser considerada a “ilha do sol”. Com temperatura média superior a trinta graus durante todo o ano, nada melhor que um belo dia na praia para refrescar os ânimos e gerar alegria na garotada. Para economizar, uma opção é curtir as praias da Avenida Litorânea, onde é possível chegar de ônibus a partir do Terminal de Integração da Praia Grande. Durante o passeio, é possível gastar pouco levando os lanches e bebidas de casa. Importante não esquecer o protetor solar, toalha, óculos de sol e o chapéu.

2 – Parque Botânico da Vale

Um espaço equivalente a 100 campos de futebol destinado ao lazer, educação ambiental e práticas de exercícios, o Parque Botânico Vale, em São Luís, no Brasil, localizado no Complexo Industrial Portuário de Ponta da Madeira, é o lugar ideal para quem gosta de estar em contato com a natureza. A Visitação acontece de segunda a sábado, das 8h às 16h, e deve ser agendada. Informações e agendamentos para as trilhas ecológicas podem ser realizados pelo fone (98) 3218-6245.

3 – Cinema mais barato

As redes de cinema geralmente têm valores promocionais para as matinês e oferecem algumas outras facilidades. O UCI, por exemplo, tem em alguns shoppings do país a Sessão Família e também o Ticket Família, que oferece quatro ingressos com valor promocional. A Cinépolis também tem promoção de meia-entrada às segundas, terças ou quartas-feiras. Outra opção é conferir a programação do Cine Praia Grande. Localizado no Centro Histórico.
4 – Museu Histórico e artístico do Maranhão

O Museu Histórico e Artístico ocupa os dois pavimentos do prédio histórico conhecido como Solar Gomes de Sousa, localizado na Rua do Sol, em São Luís. Inaugurado em 28 de julho de 1973, data em que se comemora a adesão do Maranhão à Independência do Brasil. O MHAM funciona de terça a sexta, das 9h às 17h, sábado, das 9h às 16h, e no domingo, das 9 às 14h. A taxa de visitação é de R$ 5,00. Idosos, crianças e grupos escolares possuem entrada gratuita.

5 – Teatro Arthur Azevedo

Prestes a completar 200 anos de existência, o TAA continua a ser a principal casa de espetáculos do Maranhão. Carregado de histórias e ligado a diversos projetos de fomento a cultura, o espaço possui uma das melhores visitas guiadas em São Luís. Com o pagamento da módica taxa de R$ 2,00, é possível conhecer o mais antigo teatro do Brasil, com um rico acervo histórico e artístico que está em salas com belos lustres, além de ambientes artísticos e técnicos e o espaço de apresentação dos espetáculos.

6 – Visitação à Biblioteca Pública Benedito Leite

Localizada na Praça Deodoro, no Centro de São Luís, é a maior biblioteca pública do Maranhão e a 11ª maior do Brasil, com um acervo de cerca de 140 mil obras nacionais e estrangeiras. Aberta das 8h30 às 19h, o local oferece amplo acervo para consulta e diversas atividades para crianças e jovens durante o período das férias. Informações podem ser obtidas pelo número: (98) 3218-9961.

7 – Piquenique no Parque do Bom Menino

Localizado na região central de São Luís, o espaço foi construído com o objetivo de fazer inclusão social, em homenagem às crianças e jovens pobres que não podiam frequentar as quadras esportivas dos clubes da cidade. Por muito tempo, o parque foi abandonado e considerado uma área perigosa. Reformado pela Prefeitura, o local passou a ser ponto de encontro de jovens, e o piquenique é uma atividade atrativa para fugir da correria diária.

8 – Passeio em São José de Ribamar

São José de Ribamar está a cerca de 32 quilômetros do Centro da capital maranhense. A igreja da cidade, que só se manteve intacta quando foi construída virada para o mar, homenageia o santo protetor dos pescadores. A dica é tirar um domingo para conhecer a cidade, acompanhando as cerimônias religiosas pela manhã, na sequência, aproveitar a Praia do Caúra e, no fim da tarde, acompanhar o pôr do sol próximo à estátua do padroeiro da cidade.

9 – Espigão Costeiro

Com o objetivo inicial de barrar a erosão causada pela força da maré, o Espigão Costeiro, na Praia da Ponta d’Areia, tornou-se um local de lazer e passeios para moradores e turistas de São Luís. O local conta com estrutura de estacionamento, além de constante programação de shows promovidos pelo governo do estado. O horário preferido pelos visitantes é o fim da tarde, por conta do incrível pôr do sol e dos vendedores de quitutes que escolhem o horário para oferecer delícias a preços atraentes.

10 – Visita a Alcântara

A melhor maneira de chegar em Alcântara é pelo mar, através de lanchas, barcos ou catamarãs, que levam, em média, uma hora e quinze minutos dependendo da maré, saindo do Cais da Praia Grande. A parada é feita no cais da cidade. Sugerimos já comprar a passagem de volta para não ter problemas. A passagem de catamarã sai por R$ 15 cada trecho. As paradas obrigatórias são o museu Casa do Divino Espírito Santo, a Igreja de Nossa Senhora do Carmo.