CORONAVÍRUS

No Maranhão

1226
38174
12741
1028
LUTO

Mestre Apolônio morre aos 96 anos em São Luís

O corpo do mestre será velado na residência da família no bairro da Liberdade e o sepultamento será realizado no cemitério do Gavião

Mestre Apolonio

O Maranhão está de luto. A cultura maranhense perdeu na noite do ontem, 02, o mestre Apolônio Melônio, amo do Bumba Meu Boi da Floresta. Ele deu entrada no dia 19 de maio, no Hospital Socorrão II. No dia 20, o cantador foi transferido para o Hospital de Alta Complexidade Dr. Carlos Macieira onde veio a falecer. Mestre Apolônio tinha 96 anos e apresentava um quadro de insuficiência renal que o levou à morte.

Mestre Apolônio é um dos mais antigos cantadores de Bumba Meu Boi do Maranhão. Nascido a 23 de julho de 1918 no município de São João Batista, foi lá que ele começou a dar os primeiros passos naquilo que tomaria a sua dedicação total.
O corpo do mestre será velado na residência da família, na Rua Tomé de Sousa, 1001, bairro da Liberdade, durante a despedida amigos, parentes e admiradores fazem rodas de tambor em honra ao cantador. Haverá ainda hoje um cortejo a partir das 14h que parte em retirada ao cemitério do Gavião onde acontecerá o sepultamento ás 15h.
Governo do Estado do Maranhão lançou nota de pesar pela morte do mestre Apolônio.
Confira a nota
O Governo do Estado do Maranhão manifesta profundo pesar pela morte do mestre Apolônio. A cultura maranhense perde um dos seus mais autênticos representantes, cujo legado inspira gerações. 
Nascido em São João Batista, em 1918, Apolônio Melônio desde criança já demostrava seu talento artístico. Participou do Boi de Viana, fundou os Bois de Pindaré e da Floresta, conhecido como Boi de Apolônio. 
Sua capacidade e dedicação pela cultura popular foram reconhecidas pelo governo federal, em 2011, quando recebeu a ordem do mérito cultural, maior honraria concedida aos artistas brasileiros. 
Nessa hora de dor, o Governo do Maranhão presta suas homenagens e sentimentos aos familiares, amigos e admiradores deste grande artista.
 
A Prefeitura também lançou nota de pesar pela morte do mestre Apolônio.
A Prefeitura de São Luís lamenta profundamente o falecimento do cantador de bumba meu boi Apolônio Melônio, aos 96 anos. Por essa grande perda da cultura popular, o poder público municipal decreta luto oficial de três dias.

Mestre Apolônio foi fundador do Boi da Floresta, um dos mais tradicionais do sotaque da baixada, e do Boi de Pindaré, ao lado do cantador Coxinho. Ele dedicou a vida à manutenção da tradição folclórica do bumba meu boi, Patrimônio Cultural Brasileiro.

Nesse momento de dor, o prefeito Edivaldo se solidariza com os familiares e amigos, desejando a todos a paz e o cuidado de Deus.

 
 
VER COMENTÁRIOS
Concursos e Emprego
Notícia Boa
Checamos
Polícia
Gastronomia
Entretenimento e Cultura
Mais Notícias