Fotojornalismo

Azoubel, o ‘retratista’ que fundou o fotojornalismo no Maranhão

O surgimento da fotografia na imprensa maranhense, 110 anos após a inauguração do primeiro periódico no Estado, foi tema da tese de mestrado da aluna Pâmela Araújo Pinto e publicado na Revista Cambiassu. O estudo destaca o jornal O Imparcial como berço do fotojornalismo. Em 1931, o jornal contratou o primeiro repórter fotográfico, o retratista […]

O surgimento da fotografia na imprensa maranhense, 110 anos após a inauguração do primeiro periódico no Estado, foi tema da tese de mestrado da aluna Pâmela Araújo Pinto e publicado na Revista Cambiassu. O estudo destaca o jornal O Imparcial como berço do fotojornalismo.
Em 1931, o jornal contratou o primeiro repórter fotográfico, o retratista Dreyfus Nabor Azoubel. À época com apenas 12 anos, Dreyfus tinha a missão de registrar os mais diversos acontecimentos. Quando o conglomerado dos Diários Associados comprou O Imparcial, em 1944, Azoubel permaneceu no quadro de funcionários.
VER COMENTÁRIOS
Concursos e Emprego
Polícia
Você, Gastrô!
Entretenimento e Cultura
Mais Notícias