CRÉDITO E DÍVIDA

Entenda por quê SPC e Serasa podem negar crédito mesmo que você tenha nome limpo

Mesmo com as contas em dia e nenhuma dívida nos bancos, seu crédito pode ser negado. Entenda o porquê.

Seja para financiamento de casa ou simplesmente para um cartão, seu crédito pode ser negado mesmo que você não tenha nenhuma dívida. Isso acontece por que os bancos utilizam dados obtidos no Banco Central para elaborar suas próprias “listas sujas”.

Através desse levantamento, os bancos têm como saber se a pessoa já deveu qualquer valor em algum momento da vida, causando o crédito negado. A lei não torna o empréstimo de dinheiro uma obrigação, portanto os bancos podem negar para sempre a solicitação de alguém que eles julguem sem comprometimento financeiro.

Essa situação geralmente acontece quando o cidadão está com uma nota baixa nos bancos que mantêm esses dados, como Serasa, SPC e SCPC Boa Vista, essa nota é chamada de score e vai de zero a mil.

Quanto maior for a nota do consumidor, menor o risco de um calote para os bancos, facilitando a chance de conseguir um financiamento. Entenda a classificação através dos scores:

  1. Até 300 pontos: Alto risco de calote
  2. Entre 301 e 700 pontos: Risco médio de calote
  3. Acima de 701 pontos: Baixo risco de calote

Consulta de pontuação on-line

Para que os consumidores possam consultar e acompanhar seu score, a Serasa Experian disponibiliza uma plataforma on-line. No site, o consumidor precisa criar um usuário e uma senha, com CPF, data de nascimento, nome e dados pessoais a consulta pode ser realizada gratuitamente.

Como melhorar minha pontuação?

Segundo a Serasa, a pontuação é influenciada por vários fatores: pagamentos de contas em dia, histórico de dívidas negativadas, relacionamento financeiro com empresas e dados cadastrais atualizados.

Para melhorar a pontuação, o consumidor deve primeiramente limpar seu nome, pagar as contas em dia e manter seus dados cadastrais atualizados. Outra possibilidade é participar do cadastro positivo, uma espécie de lista de bons pagadores.

As listas trazem informações sobre o pagamento de dívidas, como financiamentos de imóveis e carros, e podem ser acessadas por instituições financeiras e lojas que concedem crédito. A ideia, portanto, é ajudar a avaliar se o consumidor é um bom pagador.

As informações são do Diário Prime.

VER COMENTÁRIOS
CONTINUAR LENDO
MOSTRAR MAIS