GRUPO CANOPUS

Empresário Parmênio Carvalho recebe a maior honraria da indústria brasileira

Criada em 1958, a Ordem do Mérito Industrial é concedida a personalidades e instituições que contribuem significativamente para o desenvolvimento da indústria brasileira e do país

Reprodução

O empresário Parmênio Mesquita de Carvalho, proprietário do Grupo Canopus, irá receber nesta quinta-feira a maior honraria outorgada a um industrial brasileiro: a Ordem do Mérito Industrial da Confederação Nacional de Indústria (CNI).

Entre os homenageados estão os ex-presidentes Juscelino Kubitschek e Fernando Henrique Cardoso; o ex-vice-presidente José de Alencar e os industriais Jorge Gerdau, Antônio Ermírio de Moraes, Eliezer Batista e Ivo Hering.

Parmênio é piauiense. Nasceu em 5 de janeiro de 1946. Formou-se em Fortaleza (CE) e logo iniciou sua carreira empreendedora. Da vontade de ter o próprio negócio nasceu a Lilalpar, uma transportadora voltada para a construção civil.

Homem de hábitos simples e muito discreto, o empresário é pai de cinco filhos. Casado com Marilene de Carvalho, Parmênio tem duas pátrias: o trabalho e a família.

“O trabalho e a família sempre estiveram muito ligados na minha vida. Acredito que o esforço e o trabalho árduo fazem um homem prosperar, e com o apoio da minha esposa e dos meus filhos conseguimos crescer”, comentou.

A Canopus Empreendimentos nasceu em 1976. Na época eram quatro sócios, que logo depois partiram para outros negócios e Parmênio assumiu integralmente a empresa. Quatro anos depois mudou-se para São Luís, onde começou sua história de sucesso.

Hoje são cinco empresas no total. Canopus Construções, Construtora Ângulo, Parmênio Empreendimentos, Pátio Norte Shopping e Postos CNS. Elas atua em sete áreas: construção de imóveis de baixo, médio e alto padrão, obras industriais e públicas, imóveis para locação comercial, shoppings e postos de gasolina.

“Fico extremamente feliz é reconhecido pelo trabalho que venho desempenhando ao longo desses 42 anos, só tenho a agradecer aos nossos colaboradores, as instituições parceiras, fornecedores e a sociedade pela homenagem”, agradece.

Título de cidadão

Também hoje o presidente da CNI, Robson Braga de Andrade, recebe, na Assembleia Legislativa, a título de cidadão maranhense, em solenidade às 11h, no plenário da Casa. À noite, ele será outorgado com o Grande Colar da Ordem do Mérito Industrial da Federação das Indústrias do Maranhão (FIEMA).

VER COMENTÁRIOS
CONTINUAR LENDO
MOSTRAR MAIS