NEGÓCIOS

Suzano Papel e Celulose compra Facepa

Com a aquisição, a Suzano torna-se a terceira maior fabricante de papéis sanitários do Brasil, com posição de destaque nas regiões Norte e Nordeste

Suzano Celulose. (Foto: Reprodução)

A Suzano Papel e Celulose concluiu a compra da Facepa (Fábrica de Papel da Amazônia S.A.), empresa que opera fábricas em Belém e Fortaleza. Com a aquisição, a Suzano torna-se a terceira maior fabricante de papéis sanitários do Brasil, com posição de destaque nas regiões Norte e Nordeste. Além das unidades da Facepa, a empresa opera fábricas em Mucuri (BA) e em Imperatriz.

“Queremos ser líderes de mercado nas regiões Nordeste e Norte até o fim deste ano. Para isso, ampliaremos a oferta local de produtos de alta qualidade e estaremos ainda mais próximos dos nossos clientes”, afirma Fabio Prado, diretor executivo de Bens de Consumo da Suzano Papel e Celulose.

Anunciada em dezembro de 2017 e concretizada a partir de 1º de março, a incorporação da Facepa reunirá a marca de papéis higiênicos Max Pure, desenvolvida pela Suzano, com linhas de produto de marcas como Le Blanc e Floral, da Facepa, que ainda conta em seu portfólio de papéis sanitários com guardanapos e toalhas de papel. Somadas Suzano e Facepa, a capacidade instalada nas quatro fábricas é de aproximadamente 170 mil toneladas anuais de papéis sanitários.

VER COMENTÁRIOS
MOSTRAR MAIS