BRASILEIRO

Sampaio, outra vez modificado, vai encarar o líder Coritiba

Técnico Felipe Surian ainda tem dúvidas no meio de campo e ataque

Jackson é uma das opções no ataque tricolor (Foto: Diego Chaves/Ascom/Sampaio)

O Sampaio Corrêa terá nesta terça-feira (19), às 21h30, o maior desafio deste segundo turno da Série B do Campeonato Brasileiro. O representante do Maranhão entra em campo, no Estádio Couto Pereira, para enfrentar o Coritiba, líder da competição, e um dos favoritos para subir à divisão de elite em 2022.

A partida vale pela 31ª rodada. Enquanto o time paranaense tem 54 pontos, o Tricolor está com apenas 40, saiu da zona de esperança ao acesso para entrar na de risco do rebaixamento caso não reaja nos jogos que ainda restam. Após uma boa apresentação diante do Vasco da Gama, quando venceram por 1 a 0 no Castelão, os comandados do técnico Felipe Surian voltaram a perder na semana passada, desta vez, em casa, para o Vitória-BA, um dos integrantes do grupo que se encontra no Z4.

Para o jogo contra o Coxa, o Sampaio não contará com dois titulares: o lateral-esquerdo Alyson e o atacante Ciel, punidos com o terceiro cartão amarelo. Mascarenhas e Jackson deverão ser os substitutos. Em relação ao time do jogo anterior, também poderá haver mudanças no meio de campo, coma entrada de Ferreira no lugar de Márcio Araújo e Léo Artur na vaga de Nádson. No ataque, Jackson e Diego Cardoso disputam a posição. A equipe provável: Luiz Daniel; Watson, Alan Godói , Nilson Junior e Mascarenhas; Baraka, Ferreira, Eloir e Nádson ou Léo Artur; Pimentinha e Jackson (ou Diego Cardoso).

O Coritiba vem de duas derrotas para Cruzeiro e Vasco, respectivamente, e sua torcida exige uma reabilitação. Por isso, o duelo está sendo encarado como uma “final”, segundo afirmou em entrevista coletiva o técnico Gustavo Morínigo.

“Cada jogo vai ser assim, brigado. Todos estão brigando por algo. E (contra) o Sampaio vai ser assim também. Para nós, passa a não ser uma simples partida, mas, sim, uma final, onde realmente necessitamos sentir o apoio e que a torcida acredita na gente, que vá ao estádio e que ajude a gente neste caminho para chegar ao acesso”, enfatizou.

O time paranaense vai ter mudanças em relação ao último jogo. Waguininho e Rafinha brigam por posição no setor ofensivo. O volante Willian Farias, recuperado de uma viros, deve reaparecer na equipe titular.

Arbitragem

O árbitro será Sávio Pereira Sampaio, do Distrito Federal, tendo como assistentes Daniel Henrique da Silva Andrade e José Reinaldo Nascimento Junior, também do DF. O Quarto Árbitro é Robson Babinski, do Paraná e o Árbitro de Vídeo, Péricles Bassols Pegado Cortez (SP).

VER COMENTÁRIOS
Esportes
Entretenimento e Cultura
Concursos e Emprego
Polícia
Mais Notícias