CORONAVÍRUS

No Maranhão

3733
181545
174412
3939
ESPORTE

Sampaio indefinido para encarar o CRB no Campeonato Brasileiro

Técnico Léo Condé espera contar com atletas que já cumpriram quarentena, mas só vai anunciar quem joga após o treino desta tarde em Maceió

Reprodução

A delegação do Sampaio Corrêa viajou para Maceió,  local do jogo com o CRB, amanhã às 19h no Estádio Rei Pelé pelo Campeonato Brasileiro.

Para a partida contra o time alagoano, o técnico Léo Condé já poderá contar com alguns atletas que estavam cumprindo quarentena devido ao coronavírus,  cujos nomes não foram revelados à imprensa.  Nem  mesmo a lista de embarque foi liberada para a reportagem. “A lista de relacionados não foi divulgada”, resumiu a Assessoria de Comunicação.

Desvantagem

No retrospecto, o Sampaio está em desvantagem com o Clube de Regatas Brasil (CRB-AL) na Série B do Campeonato Brasileiro. Os dois clubes já se enfrentaram 14 vezes, com quatro vitórias do representante maranhense, três empates e sete derrotas. O saldo é favorável à equipe alagoana com três vitórias a mais.

Na última oportunidade em que Sampaio e CRB se enfrentaram a vitória foi do time de Alagoas por 2 a 1, em partida disputada no Estádio Rei Pelé, em 31 de agosto de 2018, pela 24ª rodada. O CRB começou o jogo na zona de rebaixamento, mas terminou quase na metade da tabela, por conta da vitória, chegando aos 28 ponto, na 13ª colocação. O Sampaio seguiu com os 21 pontos na 19ª colocação, portanto na vice-lanterna. Os gols do CRB foram marcados por Neto Baiano e Paulinho, ambos em cobrança de falta. O Sampaio ainda chegou a empatar com Julinho, que aproveitou cobrança de escanteio e fez de cabeça. Em 11 de agosto de 2015 ocorreu a última vitória dos tricolores sobre o adversário de amanhã. O placar foi de 1 a 0, em partida disputada no Castelão com um golaço de Nadson aos 30 minutos do segundo tempo. A equipe esteve sob o comando de Léo Condé e com o resultado subiu para 31 pontos contra 22 do time alagoano.

Hoje, a situação é bem diferente. No momento, o CRB vem de uma vitória sobre o grande rival CSA, a quem derrotou por 2 a 0 na noite do último domingo e agora ocupa a quarta posição com 11 pontos. O Sampaio, enquanto isso, perdeu para a Ponte Preta por 2 a 1, na sua quarta derrota  consecutiva e permanece na oitava colocação.

Lamentação

Até antes da viagem, o clima ainda era de muita lamentação em meio a jogadores,  dirigentes, comissão técnica e torcedores. A culpa pelo fracasso,  desta vez, foi da arbitragem, acusada de marcar dois pênaltis inexistentes contra os bolivianos e fazer vista grossa para outras duas penalidades cometidas pela defesa da equipe paulista. Bastante chateado, o presidente Sérgio Frota disse que tomaria as devidas providências, denunciando o pernambucano Tiago Nascimento dos Santos à CBF,  a seu ver  o principal responsável pelo resultado negativo.

VER COMENTÁRIOS
Concursos e Emprego
Gastronomia
Entretenimento e Cultura
Esportes
Polícia
Mais Notícias