MARANHÃO

Lista de classificados no Ilha Bela festival é divulgado pela Secretaria de Cultura

As 10 canções inéditas sobre a cidade de São Luís serão apresentadas em uma live transmitida diretamente do Teatro Arthur Azevedo.

Edital recebeu 140 inscrições dos mais variados estilos exaltando os encantos e a beleza de São Luís que completa 409 anos no dia 8 de setembro. (Foto: Rodrigo Ribeiro)

Foi divulgado nesta terça-feira (31), pela Secretaria de Estado da Cultura, a relação das 10 composições classificadas pela comissão de seleção para o edital Ilha Bela Festival, o primeiro festival de música especialmente dedicado à capital maranhense, que completa 409 anos no próximo dia 8.

As 10 canções inéditas sobre a cidade de São Luís serão apresentadas em uma live transmitida diretamente do Teatro Arthur Azevedo, no dia 8, às 20h, pelo canal da Secma no Youtube

As músicas classificadas são: “Cidade de Luz”, composição de  Gilvan Frazão;  “Francesinha”, de Allysson Ribeiro; “Tamboreiro!”, de Felipe Costa Cruz e Lara Moura; “Minha Bela Ilha”, de Brenda Mendes; “Ilha Encantada”, de Manuel Baião de Dois; “Ilha de Mar”, de Chico Nô; “São Luis Style”, de Emilio Sagaz; “Nossa Ilha”, de Augusto Bastos; “Imã”, de Josefran; e “Pérola Rara”, de Marcelo Chalvinsk.

Os autores das composições agora devem aguardar o contato da Secma para agendamento dos ensaios e o sorteio das apresentações para a live. As 10 canções que se apresentarem na live serão submetidas a uma votação popular que definirá quem serão os três primeiros colocados. O resultado da votação será revelado no dia 10 de setembro nos canais oficiais da Secretaria de Estado da Cultura.

“A intenção do governo do Estado com esse festival é, além de homenagear São Luís, dar visibilidade também às composições maranhenses,  fomentar a produção autoral e contribuir financeiramente com o artista ludovicense, que assim como tantos outros, foi prejudicado por causa da pandemia da Covid-19. Então, ao mesmo tempo que exaltamos São Luís, suas belezas e seus encantos nesses 409 anos, celebramos também a produção musical ludovicense”, disse o secretário de Estado da Cultura, Anderson Lindoso.

As inscrições para o festival começaram no dia 16 de agosto e se encerraram no dia 27 passado. Ao todo, foram recebidas 140 inscrições e dessas, 10 composições chamaram a atenção da comissão pelas letras, melodias, harmonias, com toque de originalidade.

“Nós tentamos buscar músicas de estilos diferentes, mas que obviamente, falassem de São Luís, suas belezas, sua cultura. As músicas classificadas tem uma variedade de ritmos como reggae, samba, pop, rock, rap, ijexá”, disse Guilherme Junior, idealizador do concurso, músico e servidor da Secma, completando que foi difícil selecionar as músicas diante do rico material que foi recebido.

O festival foi idealizado para comemorar o aniversário de 409 anos da cidade de São Luís premiando composições musicais inéditas que utilizassem como tema as belezas e encantos da Ilha do Amor. Foram avaliados critérios como melodia, harmonia, originalidade e criatividade.

Premiação

Além de ter sua música difundida e divulgada em todo o estado, o primeiro lugar do Ilha Bela Festival vai receber o prêmio deR$ 10.000,00,  o segundo colocado R$ 7.000,00, e  o terceiro R$ 5.000,00. Do quarto ao décimo colocado, serão pagas as premiações de R$ 1.000,00.

Músicas selecionadas (em ordem alfabética)

  • Cidade de Luz – Gilvan Frazão
  • Francesinha – Allysson Ribeiro
  • Imã – Josefran
  • Ilha Encantada – Manuel Baião de Dois
  • Ilha de Mar – Chico Nô
  • Minha Bela Ilha –  Brenda Mendes
  • Nossa Ilha – Augusto Bastos
  • Pérola Rara –  Marcelo Chalvinsk
  • São Luis Style – Emilio Sagaz
  • Tamboreiro – Felipe Costa Cruz e Lara Moura
VER COMENTÁRIOS
Esportes
Entretenimento e Cultura
Concursos e Emprego
Polícia
Mais Notícias