CULTURA

Festa da Música no Maranhão ocorre este mês

O show da FMM19 contará com a orquestra guajajaras e a participação de artistas de diferentes gerações

Reprodução

A Festa da Música no Maranhão – FMM19 terá a sua primeira edição em 2019, de 20 a 22 de novembro, e celebrará a semana da música no estado. Além de difundir e fortalecer a cadeia produtiva da música, o evento visa promover uma integração do setor, reconhecer trabalhos e iniciativas e manter viva a memória musical do Maranhão. O “Prêmio Papete”marcará a abertura oficial da festa que inclui na programação oficinas, feira da música e shows.

Oficinas de Música
A programação tem início dia 20, dia da consciência negra às 8h30, no Estaleiro Escola (Sítio Tamancão), com as oficinas de “Ritmos Afros”, ministrada por instrutores do Grupo Gdam, e “Fabricação de Eco-Instrumentos”, com o professor de música e luthier Ricardo Wayland. As oficinas contemplarão os jovens das comunidades do Sítio Tamancão, Alto da Esperança e Residencial Ana Jansen.

Prêmio Papete
A FMM19 homenageia in memoriam Papete, cantor, compositor e músico maranhense que deixou um grande legado ao colocar seu nome em prêmio que reconhece quem fez e faz acontecer a música. Já no dia 21, acontece oficialmente, a abertura da FMM19, às 20h, no Blue Tree Towers São Luís, no Calhau, para convidados. Na ocasião, serão homenageados artistas, grupos e instituições com o Prêmio Papete – artista maranhense que deixou um grande legado – um reconhecimento de quem fez e faz a música acontecer. A escolha dos indicados foi o resultado do trabalho minucioso da equipe de curadoria da FMM19 formada por Josias Sobrinho; Gilberto Mineiro; Pedro Sobrinho e Wanderson Silva. A noite contará com o “Show da FMM19”, com a Orquestra Guajajaras e convidados. O mesmo show, que reúne artistas de diferentes gerações será apresentado no dia seguinte, na Praça Nauro Machado.

O idealizador e produtor do evento, o cantor, compositor e radialista, Emanuel Jesus, justifica a realização da FMM19. “A música é um dos segmentos mais significativos da chamada economia criativa. Uma das linguagens mais presentes no Estado do Maranhão, que se detaca pela qualidade e diversidade, que a torna única e plural. Esse projeto, além promover um encontro efomentar a cena da música, quer resgatar a memória e reconhecer trabalhos e iniciativas, por meio de um prêmio que honra o nome de quem tanto fez pela música e a cultura desse estado”, destacou.

Feira da Música
A programação continua na sexta (22), no dia dedicado ao músico e a música, na Praça Nauro Machado, com a Feira da Música, a partir das 9h. Serão estandes com lançamentos de artistas e serviço de registro de música pela Biblioteca Nacional; exposição do músico e artista plástico Betto Pereira; mostras da Escola de Música Lilah Lisboa e Maple Bear São Luís, além da Vila do Chorinho, uma praça temática de alimentação. A programação contará com apresentações musicais variadas, incluindo a Banda Filarmônica do Estaleiro Escola grupo Cantinho do Choro, Forró do Mel, Sexteto Musicar (SESC), Kadu Ribeiro e banda, grupo musical da Maple Bear São Luís, entre outros.

VER COMENTÁRIOS
Concursos e Emprego
Polícia
Você, Gastrô!
Entretenimento e Cultura
Mais Notícias