CORONAVÍRUS

No Maranhão

4074
184668
177115
4014
PANDEMIA

Coronavírus: Sete escolas já interromperam as aulas presenciais em São Luís

Desde agosto, quando retornaram as aulas presenciais no Maranhão, cerca de sete escolas suspenderam as atividades em decorrência de casos da Covid-19

Foto: Reprodução

Desde agosto, quando retornaram as aulas presenciais no Maranhão, cerca de sete escolas suspenderam as atividades em decorrência de casos da Covid-19 entre alunos ou funcionários.

As duas últimas escolas que interromperam as atividades foram o Upaon-Açu e Educallis, que compõe a rede particular da capital maranhense.

Na última quinta-feira (17), o Colégio Upaon-Açu confirmou que uma das professoras do Ensino Médio foi diagnosticado com o novocoronavírus.

De acordo com a escola, as atividades seguirão de forma remota e o cronograma será cumprido. “Buscando preservar a saúde da comunidade Upaon, portanto, de todos os colaboradores e estudantes, as aulas serão suspensas a partir do dia 18/09, amanhã, sexta-feira, retornando no dia 05/10, segunda-feira, cumprindo rigorosamente o Protocolo de Biossegurança e as medidas cabíveis em consonância com os documentos oficiais do Estado”, publicou oficialmente o colégio

Confira Leia a nota do Colégio Upaon-Açu na íntegra:

“Prezados Pais e Responsáveis

No compromisso de seguir nosso trabalho com total transparência, informamos que duas professoras do Ensino Médio comunicaram-nos hoje, quinta-feira, sobre confirmação do resultado positivo para COVID-19 .

Por essa razão, buscamos preservar a saúde da comunidade Upaon, portanto, de todos os colaboradores e estudantes, as aulas serão suspensas a partir do dia 18/09, amanhã, sexta-feira, retornando no dia 05/10, segunda-feira, cumprindo rigorosamente o Protocolo de Biossegurança e as medidas cabíveis em consonância com os documentos oficiais do Estado.

Ressaltamos que as atividades pedagógicas seguem remotamente para todos, dando continuidade ao cronograma e planejamento de cada segmento.

Agradecemos a compreensão.

A DIREÇÃO.”

Ainda na quinta-feira (17), o Colégio Educallis também divulgou através de nota, a suspensão das aulas presenciais por 14 dias, a partir desta sexta-feira (18), por conta de dois funcionários da instituição de ensino terem testado positivo para a Covid-19.

Leia a nota do Colégio Educallis na íntegra:

“O Colégio Educallis informa que suspenderá as aulas presenciais do Ensino Fundamental Anos Iniciais e Finais e Ensino Médio por 14 dias, a contar do dia 18 de setembro. Tal medida se deve ao fato de termos sido comunicados hoje de que dois funcionários da nossa Instituição testaram positivo para a Covid-19.

Diante do exposto, e em consonância com o Protocolo de Retorno às Aulas Presenciais e as Orientações da Organização Mundial de Saúde, essa é a ação necessária que nos cabe realizar neste momento. Assim, durante os 14 dias, todas as aulas ocorrerão no remoto.

Destacamos nosso habitual compromisso com a transparência dos fatos, bem como com a saúde e integridade de toda a comunidade escolar!”

Outras escolas que interromperam as aulas

Na última quarta-feira (16), a Escola Dom Pedro II informou a suspensão das aulas presenciais na unidade por sete dias, após a suspeita de um caso de Covid-19 em um dos alunos do ensino fundamental I.

Segundo a direção da escola, a medida integra o Protocolo de Biossegurança, implementado pela instituição e está de acordo com as autoridades estaduais de saúde.

Já no último dia 9 de setembro, o Centro Educacional Sagres suspendeu 14 dias as aulas presenciais na unidade após uma professora do Ensino Fundamental ter testado positivo para a Covid-19.

Em agosto, no dia 23, o Colégio o Bom Pastor Júnior (educação infantil e fundamental) comunicou aos pais a suspensão das aulas presenciais após um professor estar com suspeita de Covid-19. Durante 14 dias foram mantidas aulas à distância.

No dia 9 de agosto, o Colégio Dom Bosco também suspendeu as aulas presenciais porque uma colaboradora da instituição testou positivo para Covid-19. Nesse caso, as aulas presenciais foram suspensas nos últimos anos do Ensino Médio e do Ensino Fundamental.

Antes, no dia 2 de agosto, o Colégio Batista adiou o retorno das aulas presenciais da 3ª série do Ensino Médio porque um professor testou positivo para a Covid-19.

VER COMENTÁRIOS
Concursos e Emprego
Gastronomia
Entretenimento e Cultura
Esportes
Polícia
Mais Notícias