CORONAVÍRUS

No Maranhão

1104
203334
192476
4601
ELEIÇÕES 2020

Começa hoje (01) a Semana Dívida Zero Procon

A Semana Dívida Zero Procon é uma oportunidade em que os consumidores do Maranhão poderão renegociar débitos em atraso

Foto: reprodução

Começa hoje, 1 de dezembro, a ‘Semana Dívida Zero Procon. O período, que se encerra no sábado (05), é uma oportunidade em que os consumidores do Maranhão poderão renegociar débitos em atraso.

O evento é promovido pelo Instituto de Promoção e Defesa do Cidadão e Consumidor do Maranhão (Procon/MA) e terá negociações presenciais por agendamento no Shopping da Ilha (4° piso) em São Luís e em Balsas. Também será disponibilizado a possibilidade de acordos online, disponíveis para o restante do estado.

“É o retorno de nossa Semana de Renegociação de Dívidas, que fazemos duas vezes por ano, só que agora, nesse contexto de pandemia, com uma nova roupagem e com essa possibilidade de negociação on-line, que torna o evento mais seguro, permitindo que mais pessoas tenham acesso às condições especiais que serão oferecidas também presencialmente”, comentou a presidente do Procon/MA, Adaltina Queiroga.

Para participar de forma on-line, o consumidor deve efetuar o cadastro na site www.consumidor.gov.br


Após o cadastro, a lista de empresas disponíveis para a negociação via internet durante a Semana Dívida Zero Procon (01 a 05 de dezembro) estará disponível no botão “Empresas Participantes”, na aba “Bancos, Financeiras e Administradoras de Cartão”.


A forma presencial será realizada nas unidades do Viva/Procon do Shopping da Ilha, em São Luís, e em Balsas na Av. Contorno, Quadra 06, Lote 12 – Bacaba.

Os atendimentos serão realizados mediante agendamento prévio pelo site www.procon.ma.gov.br, aplicativo PROCON MA e telefones 151 e (98) 3261-5100, disponíveis de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h.


PARCEIROS:

Dentre os parceiros que oferecerão condições especiais para o pagamento de dívidas, estão as operadoras NET/Claro, TVN, SKY, TIM e Vivo; as faculdades Pitágoras, Laboro e Instituto Florence, Além da BRK, Caema, Equatorial Energia, CDL, Jardim da Paz, Pax Nova Terra, A Renovar, Crefisa e mais de 100 bancos e instituições financeiras através da Febraban.

VER COMENTÁRIOS
Concursos e Emprego
Gastronomia
Entretenimento e Cultura
Esportes
Polícia
Mais Notícias