Um encontro de especulações

O encontro do tucano novato Luís Fernando Silva com o governador em exercício, Carlos Brandão (PSDB), extrapolou o gesto de simples cortesia para produzir especulações. Principalmente sobre as eleições, prova de fogo que o PSDB terá em 2016, cujas lideranças não falam nem ouvem o que dizem os comunistas. Muito menos sobre o impeachment de […]

Reprodução

O encontro do tucano novato Luís Fernando Silva com o governador em exercício, Carlos Brandão (PSDB), extrapolou o gesto de simples cortesia para produzir especulações. Principalmente sobre as eleições, prova de fogo que o PSDB terá em 2016, cujas lideranças não falam nem ouvem o que dizem os comunistas. Muito menos sobre o impeachment de Dilma, tocado pelos tucanos e contestado por Flávio Dino.

Afinal, Luís Fernando é candidatíssimo à Prefeitura de São José de Ribamar, assim como foi o homem da sala e cozinha do governo Roseana Sarney, que o instigou para disputar a sucessão dela em 2014, mas acabou dando tudo errado e até hoje ninguém assume a culpa pelo começo da derrocada do sarneísmo, saída daquele episódio. Hoje, incrivelmente, Luís Fernando é “flavista” de carteirinha.

VER COMENTÁRIOS
COLUNAS E OPINIÃO
Concursos e Emprego
Polícia
Você, Gastrô!
Entretenimento e Cultura
Mais Notícias