“Fico em dúvida se o governo tem uma concepção ideológica de eliminar os adversários ou se isso é uma mera distração”.

Flávio Dino, na entrevista à Folha,falando de Bolsonaro. Ele estranha ao governo federal recorrer a expedientes como discutir cor de roupa ou demitir funcionário porque escreveu ‘Marielle vive’. 1- Fala-se, depois da posse de Bolsonaro, que ele poderia montar uma frente com o ex-presidente José Sarney para enfrentar Flávio Dino no Maranhão. Mas seria um […]

Flávio Dino, na entrevista à Folha,falando de Bolsonaro. Ele estranha ao governo federal recorrer a expedientes como discutir cor de roupa ou demitir funcionário porque escreveu ‘Marielle vive’.

1- Fala-se, depois da posse de Bolsonaro, que ele poderia montar uma frente com o ex-presidente José Sarney para enfrentar Flávio Dino no Maranhão. Mas seria um
despautério pleno, o presidente que só fala na “nova política”, contra a “poli tica velha”, se juntar logo com o oligarca José Sarney, 88 anoa.

2-Sarney é a cara, o corpo e a alma da política velha. Bolsonaro deve se apegar a outra geração de políticos estaduais se quiser fazer sucesso combatendo a política velha. Flávio Dino já derrotou Sarney em duas eleições sucessiva, e não estaria preocupa do com essa eventual possibilidade,elucubração e nada mais.

3-Dentro cerca e tapumes de pouca visibilidade, as obra de transformação do Parque Ecológico do Rangedor,área nobre de São Luís, em espaço de esporte e lazer,segue a todo vapor. Tem espaço para práticas esportivas, lazer, caminha das, tri lhas e outras atividades que servem à saúde e o bem-estar da população.

4-O parque do Rangedor estava abandonado e inservível, numa cidade totalmente carente desse tipo de espaço público. Agora, só será aberto ao uso coletivo,quando o projeto  estiver completamente concluído. Esta semana, o governador em exercício Carlos Brandão foi visitá-lo.

VER COMENTÁRIOS
COLUNAS E OPINIÃO
Concursos e Emprego
Polícia
Você, Gastrô!
Entretenimento e Cultura
Mais Notícias