É ruim?

No segundo trimestre de 2018, a taxa de subutilização da força de trabalho (que agrega os desocupados, os subocupados no trabalho potencial) foi de 24,6%, o que representa 27,6 milhões de pessoas no Brasil. Piauí (40,6%), Maranhão (39,7%) e Bahia (39,7%) têm as maiores taxas – PNUD, divulgado ontem.

No segundo trimestre de 2018, a taxa de subutilização da força de trabalho (que agrega os desocupados, os subocupados no trabalho potencial) foi de 24,6%, o que representa 27,6 milhões de pessoas no Brasil. Piauí (40,6%), Maranhão (39,7%) e Bahia (39,7%) têm as maiores taxas – PNUD, divulgado ontem.

VER COMENTÁRIOS
COLUNAS E OPINIÃO
Concursos e Emprego
Polícia
Você, Gastrô!
Entretenimento e Cultura
Mais Notícias