NO NORDESTE

Crianças voltam da escola penduradas em uma corda por conta de estrada inundada

Parte do trecho de uma estrada em Baturité, interior do Ceará, foi inundado pelo rio Jordão que transbordou e impediu a passagem do ônibus escolar.

Os estudantes do município de Baturité, no Ceará, se depararam com uma situação inusitada e, de acordo com o prefeito da cidade, “pontual”: ao voltar da escola, as crianças precisaram subir na costa dos pais e se agarrarem a uma corda para realizar a travessia do trecho alagado na estrada. Essa foi a solução encontrada na última segunda-feira, 1, já que o ônibus escolar não conseguiu chegar até as escolas.

Hoje, terça-feira, 2, o nível da água já diminuiu e o ônibus conseguiu seguir normalmente pelo trecho. O prefeito do município, Francisco Assis Arruda afirmou que, em situações como essas, os alunos são liberados das aulas, pois a passagem é muito perigosa. Além de Baturité, estudantes de Veneza, Flores e Jordão também são afetados com as condições. Entre eles, um conta que quase foi arrastado pela água em uma das travessias que já precisou fazer.

Um agricultor da região contou ao Jornal Diário do Nordeste que, em alguns casos, pais pagam para que outras pessoas atravessem seus filhos porque não têm condições de fazê-lo. “Quando a mãe não pode, que tem medo de cair no rio, paga uma pessoa pra poder passar. Tem gente que não passa. E foi o que aconteceu ontem”, afirmou o agricultor Marco Antônio.

Mesmo com o acontecido, o prefeito da cidade explicou que não existem projetos de obras para a região, já que é um acontecimento muito pontual, demandaria muito investimento e no momento existem outras prioridades.

VER COMENTÁRIOS
COLUNAS E OPINIÃO
Concursos e Emprego
Polícia
Você, Gastrô!
Entretenimento e Cultura
Mais Notícias