TURISMO

Inteligência comercial é foco de seminário de marketing turístico

Os produtos turísticos do Maranhão mais vendidos pelas operadoras estrangeiras são os Lençóis Maranhenses, São Luís e Rota das Emoções

Foto: Divulgação.


Divulgação

Seminário "Marketing Turístico" reuniu na sede Fiema representantes de diversos municípios maranhenses

Secretaria de Estado do Turismo (Setur) realizou, ontem, 07, em São Luís, o Seminário “Marketing Turístico”, que reuniu na sede da Federação das Indústrias do Estado do Maranhão (Fiema) representantes de diversos municípios maranhenses, além de entidades representativas do turismo e empresários. “As palestras destacaram a inteligência comercial como ferramenta para alavancar a movimentação do Turismo do Maranhão”, afirmou a secretária de Estado do Turismo, Delma Andrade.

Na palestra que foi apresentada pelo Instituto Brasileiro de Turismo (Embratur), o coordenador de Mercado Europeu da Diretoria de Mercados Internacionais da Embratur, Bruno Reis, focou no diagnóstico inédito da comercialização dos produtos turísticos do Maranhão, além do posicionamento do estado no mercado internacional.
De acordo com o estudo realizado com 20 mercados prioritários, os produtos turísticos do Maranhão mais vendidos pelas operadoras estrangeiras entrevistadas são os Lençóis Maranhenses, São Luís e Rota das Emoções (produto turístico que une atrativos do Maranhão, Ceará e Piauí). Já os países que mais comercializam esses produtos são a Espanha, Itália, Japão, França, Estados Unidos e Alemanha.
Segundo o gerente da Embratur, o formato da abordagem e o levantamento de informações do diagnóstico é feito por meio dos Escritórios Brasileiros de Turismo (EBTs) que realiza reuniões com operadores dos mercados. “Dessas reuniões são produzidos relatórios que são enviados para Embratur que analisa os dados e define as estratégias e ferramentas que serão aplicadas nos mercados”, explica Reis.
“O interessante foi que o Bruno Reis, também, trouxe para os presentes informações sobre a cadeira de vendas do turismo do Maranhão, o trabalho do operador receptivo internacional e o ciclo de maturidade dos produtos e destinos maranhenses”, explicou a secretária Delma Andrade.
Segmento de eventos
A segunda palestra do dia trouxe o diretor Executivo da Associação Brasileira de Agências de Viagens Corporativas (Abracorp), Gervásio Tanabe, que falou sobre a importância do segmento MICE – Meetings , Incentives, Conventions and Events (Encontros, Incentivos, Convenções e Eventos).
Tanabe apresentou números sobre o setor e ressaltou que o que traz um negócio é a inteligência e a inovação. “Apenas dez destinos respondem por 95% dos bilhetes aéreos emitidos para viagens corporativas. O trabalho moderno e arrojado garantirá a inserção do Maranhão neste setor”, ressaltou o diretor.
VER COMENTÁRIOS
Esportes
Entretenimento e Cultura
Concursos e Emprego
Polícia
Mais Notícias