CORONAVÍRUS

No Maranhão

6360
99830
78984
2501
MARANHÃO

Empresas poderão fazer lançamentos no Centro Espacial de Alcântara

Ação faz parte do edital divulgado pela Agência Espacial Brasileira (AEB) em maio deste ano

Reprodução

Empresas nacionais e internacionais interessadas em fazer lançamentos de veículos não-militares no Centro Espacial de Alcântara (CEA), no Maranhão,
podem se qualificar através de edital integra um dos passos do Acordo de Salvaguardas Tecnológicas (AST), que tem o objetivo de inserir o Brasil no mercado internacional e regional na área espacial.

O AST foi assinado no dia 18 de maio de 2019 e prevê um acordo entre os governos do Brasil e Estados Unidos para uso comercial da base maranhense.

No dia 1º de junho, a AEB também publicou uma Portaria com os requisitos e procedimentos relativos à concessão de “Licença de Operador” como mais um passo para viabilizar o lançamento de veículos espaciais não militares no CEA.

Agências iniciou as tratativas

Especificamente com relação ao Centro Espacial de Alcântara, o Comando da Aeronáutica é o responsável por sua gestão. Assim, em Acordo de Cooperação Nº 01/2020, firmado entre o Comando da Aeronáutica e a AEB, foi delegada à Agência a competência para realizar as tratativas iniciais com as empresas, nacionais ou estrangeiras para o lançamento de veículos espaciais não militares empregando o CEA.

Características únicas

Em termos comparativos, o Centro Espacial de Alcântara possui características únicas como a localização privilegiada dos sítios disponíveis, a aproximadamente 2º18’ a sul da Linha do Equador, proximidade do mar, o que possibilita lançamentos em órbitas polares e equatoriais, baixa densidade demográfica, ausência de incidência de terremotos e furacões, baixa densidade de tráfego aéreo, e localidade ideal para lançamentos sob demanda (responsive launches), entre outras.

Chamamento público

A Agência Espacial Brasileira (AEB), é vinculada ao Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC), e tem a finalidade de promover o desenvolvimento das atividades espaciais de interesse nacional. Desde maio deste ano, a AEB lançou Chamamento Público para identificar empresas, nacionais e internacionais, que tenham interesse em realizar operações de lançamentos orbitais e suborbitais, utilizando o Centro Espacial de Alcântara (CEA), no Maranhão.

O CEA consiste em um conjunto de bens e serviços utilizados para lançamento de veículos espaciais não militares em território nacional, proporcionando uma infraestrutura necessária para dar suporte às atividades específicas de empresas de lançamento. Com este chamamento o Brasil inicia as atividades espaciais não-militares e torna-se a janela de acesso ao espaço no hemisfério sul.

VER COMENTÁRIOS
Concursos e Emprego
Notícia Boa
Checamos
Polícia
Gastronomia
Entretenimento e Cultura
Mais Notícias