Esporte

Sampaio Corrêa disputa vaga na final

Sampaio precisa derrotar o Fortaleza hoje para manter o sonho da conquista do Campeonato Brasileiro pela quarta vez em três diferentes divisões

Sampaio Corrêa, a Bolívia Querida.

Um jogo que pode deixar o Sampaio muito próximo da conquista do quarto título nacional. Basta que o representante maranhense derrote o Fortaleza, hoje, às 17h, no Castelão, por dois gols de diferença, para conseguir a vaga pelo melhor saldo de gols. Uma vitória do Tricolor por 1 a 0 leva a decisão para as cobranças de tiros diretos da marca penal. Tudo isso porque no primeiro jogo o time cearense ganhou pelo placar mínimo. Se ocorrer um empate com qualquer placar, a vaga fica com o Tricolor do Pici.
Dominado e quase goleado na partida da última segunda-feira pelo mesmo adversário de hoje, o time comandado por Francisco Diá tem o dever de dar uma resposta à altura da expectativa de sua numerosa torcida, que não está satisfeita apenas com o acesso. Quer a colocação de mais uma estrela no escudo da “sua camisa encarnada, verde e amarelo”. O Tricolor maranhense já conquistou as séries B, C e D.

Mudanças
A equipe sampaína que entrará em campo hoje contará com a volta de Esquerdinha na lateral-esquerda, mas terá outras alterações no meio de campo e também poderá ocorrer mudanças até no ataque. Pelo menos foi o que deixou transparecer o treinador nos últimos treinamentos, com a entrada de Valderrama (volante) na vaga de Fernando Sobral (suspenso) e a volta do meia Hiltinho. A dúvida maior que tinha o treinador até antes do coletivo de ontem à tarde era no ataque, onde Reginaldo e Uiliam foram testados nos lugares de Felipe Marques e Izac.
No Fortaleza, o técnico Antônio Carlos Zago pode fazer apenas uma única mudança, com a entrada de Ligger, que volta de suspensão pelo terceiro cartão amarelo, no lugar de Edimar.

Fortaleza é mau visitante
A campanha do Fortaleza mostra que o time joga melhor como mandante do que visitante. Longe do Ceará, o elenco tem números apáticos: em dez jogos são seis derrotas, dois empates e apenas duas vitórias, marcou sete gols e sofreu doze. O Sampaio, no Castelão, tem quatro vitórias, três empates e três derrotas, aproveitamento de 50%. A última vitória em casa foi exatamente contra o Fortaleza, por 2 a 0, na 15ª rodada.

MOSTRAR MAIS