São Luís

Adutora do Italuís rompe e afeta abastecimento em São Luís

O sistema Italuís é responsável pelo abastecimento de 60% da capital maranhense

Alguns bairros de São Luís tiveram o abastecimento de água comprometido após a adutora de água tratada do Sistema Italuís, no trecho do Campo de Perizes, na altura do Km 41 da BR-135, romper na noite de sexta-feira (24). A informação foi confirmada pela Companhia de Saneamento Ambiental do Maranhão (Caema).

O sistema Italuís é responsável pelo abastecimento de 60% da capital. Segundo a Caema, os trabalhos de recuperação começaram na madrugada desta quinta-feira (20) e devem ser concluídos até as 15h. A previsão é que o abastecimento de água para as áreas atingidas seja normalizado em até 48 horas após o reinício do bombeamento (veja a lista de bairros abaixo).

Essa não é a primeira vez que a Adutora de Italuís rompe. Em fevereiro deste ano, vários bairros da capital tiveram o abastecimento de água comprometido por conta de outro rompimento. Na época, a Caema informou que estavam sendo realizadas obras de finalização da nova adutora do Sistema Italuís, na extensão de 19 Km do Campo de Perizes, que permitiriam o aumento da vazão em 30% do volume atual.

Leia, na íntegra, a nota da Caema sobre o rompimento da adutora:

A Companhia de Saneamento Ambiental do Maranhão (Caema) informa aos seus usuários que, na noite desta quarta-feira (19), ocorreu rompimento na adutora do Sistema Italuís, no Campo de Perizes, causando danos e paralisação do fornecimento de água em sua área de abrangência.

As equipes operacionais da Companhia estão trabalhando desde já para o restabelecimento do fornecimento de água tratada no menor prazo possível.

Áreas cobertas pelo Sistema Italuís

ZONA 01 (parcialmente, pois é abastecida pelo Sistema Sacavém/Batatã, que recebe reforço do Italuís)

Centro, São Pantaleão, Madre Deus, Goiabal, Codozinho, Vila Bessa, Belira, Lira, Parte da Areinha, Macaúba, Apicum, Camboa, Vila Bangu, Diamante, Vila Passos, Coréia de Baixo, Coréia de Cima, Sítio do Meio, Alto da Boa Vista, Retiro Natal, Liberdade, Tomé de Sousa, Fé em Deus, Floresta e Monte Castelo (trecho).

ZONA 04

Jardim São Cristóvão, Tirirical, Solar das Mangueiras, São Bernardo, Vila Brasil, Cohapam, Parque Universitário, João de Deus, Sítio Pirapora, Estação Rodoviária, Vila Itamar I e II, Parque Jaguarema, Conjunto Cial, Alameda dos Sonhos.

ZONA 05

São Francisco, Ilhinha, Morrinho, Jaracati, Ponta d’Areia, Ponta do Farol, São Marcos, Calhau, Renascença I e II, Residencial Novo Tempo II, La Ravardiere, Alto do Calhau, Recanto dos Nobres, Cohafuma, av. Litorânea, Solar dos Lusíadas, Solar dos Lusitanos, Conjunto Turu I II e III, Jardim Eldorado, Loteamento Brasil, Divinéia, Olho d’Água, Sol e Mar, Vila Luisão, Santa Rosa, Turu Velho, Matões, Parque Vitória, Vivendas do Turu, Vila São José, Canudos, Terra Livre.

ZONA 06

Vila Bacanga; Ufma, Sá Viana Novo, Sá Viana Velho; Jambeiro, Vila Dom Luís; Vila Isabel; Vila Embratel; Vila São Benedito; Vila Resende; Vila Primavera; Anjo da Guarda; Fumacê; Vila Mauro Fecury I e II; Vila São Luís; Vila Nova; Bonfim; Vila Ariri; Vila Sete de Setembro, São Raimundo; Vila Alto da Esperança; Gancharia; Vila Itaqui; Porto do Itaqui.