'O peso do caos que recebi é avassalador'

Dino critica Roseana Sarney por pagamento de indenização por mortes em Pedrinhas

Nesta quinta-feira (9), o governador do Estado fez um desabafo nas redes sociais sobre a indenização que o Maranhão terá que pagar por conta das mortes em Pedrinhas em 2014

Reprodução

O governador Flávio Dino fez um desabafo no fim da noite dessa quinta-feira (9), por meio de seu perfil oficial no Twitter, sobre a indenização que o Maranhão foi condenado a pagar para as famílias dos 64 presos mortos no sistema prisional maranhense de janeiro de 2013 a janeiro de 2014, durante o governo de Roseana Sarney. A decisão, em primeira instância, é da 3ª vara do TRF (Tribunal Regional Federal) da 1ª região.

De acordo com o texto do juiz Clodomir Sebastião Reis, cada família receberá R$ 100 mil por danos morais. “Fico indignado com o povo do Maranhão ter que pagar R$ 7 milhões de indenização por causa de incompetência e falcatruas de ex-governantes”, desabafou o governador no Twitter.

Em uma nova publicação, o governador falou afirmou que a Procuradoria Geral do Estado vai decidir tecnicamente o que fazer sobre as ações judiciais e lamentou: “Infelizmente o peso do caos que recebi é avassalador. Problemas gigantescos em todos os setores. Mas não desanimo. Força sempre”, publicou.

O secretário de comunicação social do governo, Márcio Jerry, também usou a rede social para criticar a ex-governadora Roseana Sarney. No Twitter, ele fez uma enquete sobre quem deveria pagar as indenizações às famílias (veja abaixo).

A decisão segue o entendimento do STF (Supremo Tribunal Federal) de que o Estado é o responsável pela morte de detentos dentro de presídios. A votação do Supremo, de 2016, foi unânime.

MOSTRAR MAIS